01/02/2022

[Resenha] Red Hood - Andreia Nascimento

Olá amores, tudo bem?

Se você gosta de romance dark com um lutador de boxe, esse livro é para você! Red Hood está em pré-venda na Amazon e tem brindes para quem garantir, é só preencher o formulário. Eu li a obra em primeira mão e vim trazer minha opinião para vocês.

Red Hood
Autora: Andreia Nascimento
Páginas: 302
Onde comprar: Amazon
Nota:  
*E-book cedido pela autora
 + 18 
Gatilhos para violência infantil, abuso psicológico e suicídio
SINOPSE: 
Red Hood. É assim que o mundo o conhece. Atrás do nome simbólico está um homem marcado pelas cinzas.
Rael perdeu os pais em um incêndio na infância. Ele e sua irmã ficaram marcados pelo acontecido. Ainda criança, Rael aprendeu a lidar com a violência cometida por aquele que deveria lhe proteger.
Ao conhecer Savana, a vida do lutador de boxe vai sofrer uma virada.
Savana não é uma mulher ingênua, e Red Hood descobrirá isso da pior forma.
“Uma história com um garoto de capuz vermelho, um Lobo Mau e uma Caçadora. Nesse conto de fadas, tudo pode acontecer..."
Rael é um lutador de boxe que usa o pseudônimo Red Hood em suas lutas. Ele perdeu os pais em um incêndio, na infância, o que acarretou traumas para ele e sua irmã, Lolla, que não mexem com fogo.

"Talvez seja filho da dor, o garoto que foi disciplinado por um cinto, socos e xingamentos."

Red ainda teve que lidar, durante boa parte da infância/adolescência, com as surras que seu avô dava nele. O homem sempre nutriu raiva e desprezo por Rael.

"Ser Red é engolir saliva com sangue e gostar do sabor."

Agora, adulto, Rael luta para dar uma vida melhor a Lolla, mas quando Savana, uma mulher misteriosa, surge em seu caminho, toda a rota dele é refeita.


QUE LIVRO! Já começo essa resenha deixando algo bem claro: essa é uma história onde os protagonistas não são mocinhos.
Na Parte 1 do livro vamos conhecer um pouco sobre Rael e como ele chegou até onde está. Os traumas psicológicos dele são enormes, Red foi marcado por muitas coisas ruins e chegou a tentar suicídio. Viver, para Red, sempre foi o seu maior desafio.
O avô dele é, de longe, um dos personagens mais detestáveis da história. A violência infantil e o abuso psicológico cometido pelo mesmo é de embrulhar o estômago.

"Quero saber como caí em um triângulo amoroso com uma assassina e um possível sociopata"

Lolla é quem ainda mantém Rael vivo, porque ele deseja proteger a irmã acima de tudo. Enquanto ela viveu em um mundo cor-de-rosa, com toda a maldade longe dela, Rael ficou com a parte obscura.
Juno é o melhor amigo dele, o homem que sempre esteve ao seu lado em todos os momentos e que gerencia sua carreira. Inclusive, não shippar Lolla e Juno é impossível!

Savana, por sua vez, vai surgir do nada e entrar na vida de todos eles de mansinho. Só que ela é uma incógnita. Desvendar Savana foi como levar um tiro a cada informação revelada. Savana é muito mais do que poderíamos imaginar. Gostaria de falar muitas coisas sobre ela, mas seriam spoilers que iriam interferir na experiência de leitura.

"Não existe bem ou mal. Tudo depende de quem contou a história e de quem ouviu."

A escrita da Andreia é um dos pontos altos da narrativa, pois faz o leitor entrar de cabeça nas emoções de Red e compreender o personagem por inteiro, além de nos fazer ficar na corda bamba, sem saber o que sentir em relação a outros personagens.
Um certo personagem aparece na Parte 2 da história e... MDS! Só se preparem para ele, porque vão precisar!

Os plots inseridos pela autora foram precisos e despertaram variadas emoções em mim, desde raiva, angústia, nojo, revolta e tristeza. As revelações vão se tornando impactantes a cada página e, inclusive, segurei a respiração em vários momentos. Além, é claro, de chorar com uma das cenas finais (por que, Andreia???).

"Pare de criar rótulos só porque as pessoas nos fazem acreditar que precisamos. Você não é seu passado, é seu presente, é a escolha do hoje, não do ontem, não do que fez para sair viva da mão de um possível sociopata."

Red Hood é um dark romance intenso, que tem ação, suspense e personagens com o psicológico abalado. Nesse conto de fadas, a dor e as perdas estão presentes, mas não espere encontrar pessoas perfeitas, pois isso está longe. A relação entre Rael e Savana é confusa e nada fantasiosa, resumindo: é eita atrás de eita! O garoto de capuz vermelho terá sua vida cruzada com o Lobo Mau e uma Caçadora. Mas, ao final, sairão todos vivos?

Beijos da Lice

8 comentários:

  1. O livro é daqueles que deixa o leitor grudado na história, a capa é bastante chamativa, que legal que comprando o livro garante brinde, bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Eu adorei a sugestão 🙂 a história é bem interessante, ainda não li nada da autora

    ResponderExcluir
  3. UAU! Livro forte a história de Rael chama atenção
    Abraços,
    Alécia do Blog ArroJada Mix

    ResponderExcluir
  4. Nunca ouvi falar nesse, mas adorei a sua resenha

    ResponderExcluir
  5. Bem interessante esse livro. Adorei a sinopse. Deu vontade de ler!

    ResponderExcluir
  6. Estava até meio que curiosa, mas se tem muito intriga eu fico com raiva no meio da leitura hsuashua se for pra me estressar então eu não quero heehe

    ResponderExcluir
  7. Já amei por ser um conto de fadas!

    ResponderExcluir
  8. Que história intensa,já fiquei instigada a conhecer o enredo todo.

    ResponderExcluir

Alice Martins

Oiie! Sou a Alice, tenho 26 anos e sou Mestra em Engenharia de Produção. Leio todos os gêneros literários, mas tenho um apego pelo romance e pelo suspense. Sou viciada em música, série e açaí. Atualmente, trabalho com revisão literária e tenho um podcast com uma amiga. Me acompanhem nas redes e venham compartilhar amor comigo!




Facebook


Seguidores

Tecnologia do Blogger.

Mais lidos

Arquivos

Editoras parceiras