[Resenha] Sem Lógica para o Amor - Tracey Garvis Graves

Olá amores, tudo bem?

Recentemente li um lançamento da Jangada e fiquei completamente apaixonada por toda a história e personagens. Um livrão, sem dúvidas!

Sem Lógica para o Amor
Autora: Tracey Garvis Graves
Páginas: 320
Editora: Jangada
Onde comprar: Amazon
Nota: 
*Livro cedido pela editora
SINOPSE: 
Annika e Jonathan se conhecem em uma partida de xadrez muito disputada no clube da Universidade de Illinois em 1991. Em meio a dificuldades de adaptação à vida independente após anos estudando em casa, Annika, apoia-se na colega de quarto para obter orientação sobre como se comportar em diversas situações da vida. Os dois confortos de Annika são jogar xadrez e ser voluntária na Clı́nica de Animais Silvestres. Jonathan, um estudante transferido de outra universidade, busca um recomeço após fazer escolhas equivocadas. Unidos pelas circunstâncias, os dois embarcam em um relacionamento, que termina de maneira abrupta. Em 2001, os dois se reencontram por acaso em um mercado de Chicago. Jonathan trabalha com finanças e é recém-divorciado. Annika, agora bibliotecária pública e mais hábil em situações sociais, está determinada a provar que o amor deles merece uma segunda chance. Entretanto, antes de reatarem, eles devem encarar a verdade sobre o motivo pelo qual o relacionamento deles se desfez.
A jovem Annika nunca conseguiu se encontrar no mundo, sendo diferente de todas as pessoas à sua volta. Sua adaptação na universidade foi extremamente difícil e se não fosse por sua colega de quarto, Janice, ela teria desistido de tudo. O clube de xadrez surgiu como uma forma de fazê-la fazer algo que gostava no ambiente universitário, juntamente com o fato de ser voluntária em uma clínica veterinária. 

"Admiravam-se, como se minha aparência e a maneira como eu agia fosse mutuamente excludentes."

Annika conheceu Jonathan em 1991, no clube de xadrez. Eles se relacionaram na época, mas o relacionamento acabou não indo para frente.
Em 2001, Annika o reecontra no supermecado e tudo que aconteceu com eles no passado volta à tona, fazendo com que ela o deseje de volta.

"Olhar para o vazio é a forma que encontrei para desanuviar minha mente a fim de poder lidar com qualquer problema que esteja tentando resolver."

Será que depois de 10 anos, Anikka e Jonathan conseguirão retomar o relacionamento e fazer dar certo?


Que livro ESPETACULAR! Com uma narrativa gostosa, que se passa entre 1991 e 2001, a Tracey consegue nos fazer ficar vidrados na história e nos apegar aos personagens.
Annika foge de todos os padrões que normalmente encontramos na literatura. Ela é linda, mas a beleza dela não é o suficiente para fazê-la se sentir "igual às outras pessoas" e não ser taxada de "diferente".

"Concentrar-me no jogo eliminava muito da desordem e da ansiedade que sempre ocupavam espaço dentro do meu cérebro."

Vamos compreendendo a Annika aos poucos, e isso é simplesmente sensacional. Entrar na cabeça dela é confuso, pois sentimos todas as emoções dela, principalmente em relação ao fato de se sentir dispersa no mundo. A autora vai dando pequenas dicas do que torna a Annika diferente, tudo de forma sutil. Annika não consegue compreender as situações sociais como a maioria, ela não tem o filtro que limita algumas palavras de serem ditas.

O que afastou Annika e Jonathan no passado só vai ser mostrado da metade para o final da obra e foi algo que me deixou surpresa, mas que me fez compreender ainda mais a Annika.
O reencontro dos dois foi algo que eles não esperavam, mas muito bem-vindo, pois ambos continuavam sentindo uma fagulha do sentimento da juventude.

"Por fora, eu era como todo mundo. Mas, por dentro, lembrei-me de que era alguém que não se enquadrava."

A Tracey trouxe a questão da terapia, ressaltando como ela é importante para as pessoas. Annika começou a se compreender a partir do momento que iniciou a terapia, que foi primordial para todo o seu desenvolvimento no decorrer dos anos.

O desfecho da obra teve um plot que me deixou com o coração na mão e me fez derramar muitas lágrimas, pois estava completamente nervosa com os acontecimentos. Já a evolução da Annika é algo espetacular e que me deixou muito feliz e satisfeita.

"Uma relação pessoal com alguém era o que eu mais almejava. Alguém que compreendesse minhas necessidades e estivesse disposto a falar minha língua."

Sem Lógica para o Amor é uma leitura repleta de reflexões. Annika e Jonathan são personagens carismáticos e que possuem uma química incrível. Um livro que aborda temas importantes e tem uma narrativa que prende do início ao fim. O amor, assim como a vida, não tem lógica, e através da Annika e do Jonathan iremos perceber isso. Só queria mais 200 páginas dessa história...

Beijos da Lice

6 comentários

  1. O livro por si tem uma história linda, leve, muitas vezes o passado volta trazendo tudo de volta, e o amor da Annika e Jonathan não tinha acabado, gostei muito da história, é um livro pra prender o leitor, bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Eu adorei a sugestão de livro é bem interessante 🙂 ainda não conhecia o trabalho da autora

    ResponderExcluir
  3. Que sugestão Bacana! obrigado pela dica! Não conhecia essa autora!

    ResponderExcluir
  4. Li a resenha imaginando cada cena descrita e fiquei bastante curiosa para saber o que separou o casal no passado. Dica ótima para minha lista de leitura, obrigada!
    Feliz Natal!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem.
    Depois de ler esta resenha fiquei com a sensação de que esta historia é magnifica, é o meu tipo de leitura, vou mesmo ler. Obrigado pela sugestão
    Beijos felizes

    ResponderExcluir
  6. Oi,tudo bem ?

    O livro me chamou bastante atenção e amei os quotes ressaltados, assim como sua apresentação da obra. Com toda certeza mais um livro lindo para ir a minha lista.

    ResponderExcluir