[Resenha] Orgulho - Juliana Bizatto

Olá bruxinhas,

Durante essa semana falei com vocês sobre o lançamento de Orgulho, então nada melhor do que trazer a resenha desse livro que conseguiu me surpreender bastante com seu enredo. 
Gostei tanto dessa obra que já a li 4 vezes antes do lançamento, e terminei de ler essa semana porque queria fazer uma resenha mais "fresquinha" para vocês.

Orgulho
Herança de Sombras, Livro IV
Autora: Juliana Bizatto
Páginas: 363
Onde comprar: Amazon
Nota: 
*E-book cedido pela autora
SINOPSE: A ameaça ganhou nome, Hayen, e uma história milenar está prestes a se repetir.
Os covens Hayen e Björin tem se enfrentado há mais de mil anos, e agora, o novo local escolhido para essa briga parece ser Tormento.
No último embate, Valerka pediu ajuda a Ordem dos Caçadores de Bruxas para conseguir derrotá-lo, mas será que Samantha conseguirá colocar seu orgulho de lado e aceitar trabalhar com os caçadores para suplantar o mau maior?!
Além de Felik Hayen, Samantha tem um inimigo muito mais próximo: Benjamin.
Um caçador que se mostrou não ser de confiança no passado, mas por quem seu coração nunca deixou de pulsar.
Novos segredos serão revelados e daremos mais um passo nas sombras em direção a luz da verdade desse conven misterioso que são as Björin.
Não se constrói um futuro sem conhecer o passado.
Após os acontecimentos de Ira, Samantha afastou pessoas da vida das Hoffers e tudo mudou. Além disso, Sam também descobriu o nome da ameaça que lhe rondava: Hayen.
Hayen era o responsável por mandar constantes bruxos possuídos para matar Samantha, e ela acabou salvando a vida de um desses bruxos ao possuí-lo.

Lucas acabou se tornando um Björin depois de ter sido possuído por Sam. Para tentar descobrir mais sobre Hayen, Sam vai contar com a ajuda de Rafi, Vicenzo e Laurel, que se tornarão seus fiéis escudeiros.
A chegada de Lucas também vai trazer mais alegria para a vida na ilha e Sam vai ter nele um braço direito, que está diretamente ligado a sua alma.
"Eu deveria comandar meus poderes, e não ser escrava deles."
Ao tentar descobrir mais sobre Félik Hayen e sobre a briga entre os covens (Björin e Hayen) que dura séculos, Samantha precisará tomar difíceis decisões, e uma delas é pedir a ajuda da Ordem dos Caçadores de Bruxas.
Com essa nova aliança entre as Björins e os Caçadores, Sam vai ter que lidar com seu coração partido, já que Benjamin estará de volta e parece disposto a tê-la para si.

Em meio a segredos sendo revelados e mistérios sendo desvendados, será que Sam conseguirá proteger sua família e acabar com a ameaça que as ronda? 


Quando terminei esta leitura, só tinha uma palavra na minha mente: UAU! Na verdade, era outra palavra, não tão bonita quanto esta, mas esta casa bem com a narrativa.
Orgulho é sem dúvidas um livro muito bem escrito e que consegue despertar emoções conflitantes no leitor. Em vários momentos fiquei aflita pelas cenas, em outros momentos me emocionei e em outros quis matar alguns personagens.
"Eu não queria morrer, mas pior que morrer era ter minha família indefesa."
A Samantha amadureceu bastante nesse volume, e em todos os aspectos de sua vida. Mas dedicada à magia, ela se mostra empenhada em proteger sua família. Sam também está disposta a buscar respostas a respeito do seu pai, que tem uma grande incógnita por traz de si. É bacana ver essas incógnitas sendo resolvidas. 
A forma como ela vai lidar com sua relação conturbada com Benjamin me agradou bastante, pois podemos ver nitidamente como ela cresceu.

O grupo de apoio que Sam tem a seu dispor foi um dos pontos que mais gostei na narrativa. Vicenzo, Rafi, Laurel e Lucas são pessoas que estão dispostas a ajudar Samantha com tudo, e cada um tem seus próprios motivos.
Vicenzo é um personagem que consegue despertar sentimentos dúbios. O bruxo vai se mostrar devoto a Sam, mas tem ideias radicais que vão contra tudo que ela acredita e deseja.
"Eu me recuso a acreditar que não sou dona do meu próprio destino."
A Mô foi outra pessoa que mudou bastante. Depois de um episódio em Ira, ela perdeu todo o seu brilho e alegria, se transformando em uma pessoa instrospectiva. Já suas primas continuam as mesmas, e Sy tem uma língua afiada que muitas vezes quis cortar.
Vale salientar que a Babi acaba tendo um pouco mais de destaque nesse volume, e gostei dela aparecendo mais ativamente.

Com uma narrativa recheada de reviravoltas, Orgulho nos deixa de queixo caído com algumas revelações. Algumas já esperava que fossem acontecer em algum momento, outras, de fato, foram surpreendentes. 
O fato do livro ser narrado por vários personagens e não apenas pela Sam, com certeza traz mais brilho à narrativa e nos faz entender alguns pontos de vista e situações específicas. A autora já tinha utilizado dessa artimanha nos outros volumes, e aqui deu certo mais uma vez. Além da narração de Sam, também teremos uma narração de Lucas, Benjamin, Tui e Vincenzo. Um prato cheio!
"Eu continuava apaixonada por ele de uma forma doentia, mas o meu lado racional estava ciente de que eu era novamente uma missão ou um passatempo."
Orgulho nos mostra que o presente está intimamente ligado ao passado e que não podemos fugir de algumas decisões que a vida impõe. Com uma escrita envolvente, a Juliana nos apresenta um livro onde algumas respostas foram dadas, mas as dúvidas apenas crescem. É impossível não surtar com as páginas finais, pois as sequências de acontecimentos são de tirar o fôlego e nos deixa ansiosos para o próximo volume. A ameaça tem nome, está na hora de escolher suas armas e entrar no jogo que pode ser o fim ou um novo começo... A única regra é não deixar o Orgulho tomar conta de você!

Beijos da Lice

8 comentários

  1. Que leotura interessante, aguçou muito a minha curiosidade

    ResponderExcluir
  2. Adorei a capa desse livro, dá uma vontade ler seu conteúdo!
    Sei bem como é terminar um livro incrível, nos faltam palavras para descreve-lo!

    Até mais e um ótimo final de semana!!

    The Geek Brazil

    ResponderExcluir
  3. Esse livro não conhecia mais parece ser muito bom se eu encontrar vou ler beijos

    ResponderExcluir
  4. Não conheço livro, mas depois de ler tudo que li aqui preciso ler esse livro é do gênero que gosto ...

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Adorei sua resenha e repleta de magia e fantasia... Adoro livro assim ... Bjs e sucesso

    ResponderExcluir
  6. Uau! Amei a resenha e os trechos que destacou só me deu mais vontade de ler. Vou colocar na listinha das leituras!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Olá! Adoro livros que criam universos diferentes, mágicos, nos fazem imergir nesse mundo e no final ainda deixam uma reflexão bacana, muito legal! Adorei a sua resenha e já anotei a dica do livro.

    ResponderExcluir
  8. Parece ser um livro ótimo! Vou colocar na minha lista! ahahha

    ResponderExcluir