[Resenha] Vinte Rever: Contos clássicos adaptados para uma nova geração - Marcia Kupstas

Olá gnomos, tudo bem?

Ontem terminei de ler este livro e precisava compartilhar com vocês a minha experiência com a obra. Me surpreendi bastante com o conteúdo de qualidade que encontrei a cada conto deste livro, que está mais do que recomendado.

Vinte Rever: Contos clássicos adaptados para uma nova geração
Autora: Marcia Kupstas
Páginas: 196
Editora: Coerência
Onde comprar: Editora Coerência
Nota: 
*Livro cedido pela editora
SINOPSE: Boas histórias não morrem, e esta fantástica antologia é a prova disso. Marcia Kupstas, escritora profissional há mais de trinta anos, selecionou vinte histórias que, de alguma maneira, marcaram sua experiência como leitora. Aqui, você encontrará sua adaptação de contos de grandes nomes da literatura, como Victor Hugo, Tolstói, Monteiro Lobato, Edgar Allan Poe e Voltaire, além de fábulas e lendas que marcaram a infância de muitas pessoas. Por meio de narrativas sedutoras, Kupstas apresenta a releitura dessas histórias com frescor e simplicidade, adequando-as a um estilo contemporâneo, mas sem deixar de respeitar os contextos de diversas épocas e lugares.

Vinte Rever reúne 20 contos adaptados de textos clássicos, mas com uma pegada atual, permitindo que a leitura se torne um deleite.
A autora passeou entre obras renomadas, fábulas, lendas, textos bíblicos e histórias com autores anônimos.

Como é um livro com 20 contos, é difícil conseguir falar sobre todos, por isso resolvi selecionar os três que ganharam um espaço especial no meu coração, seja por me trazer lembranças de personagens queridos ou pelas reflexões incutidas. Eles são adaptações de Conan Doyle, Charles Dickens e uma lenda árabe.

O Mistério do Vale Boscombe nos traz o detetive Sherlock Holmes. Nesta aventura, Holmes e Watson vão ter que provar a inocência de um filho acusado de matar o pai, quando todas as provas estão contra ele. Holmes irá mostrar toda a sua sagacidade em desvendar os fatos que as outras pessoas não enxergam.
"Os crimes mais comuns são às vezes os mais difíceis de se resolver."
O Guinéu da Órfã apresenta um homem que ficou órfão na infância e foi acolhido pelo seu tio, o Sr. de Rutland, por caridade. Para tentar sobreviver e ter um futuro diferente, ele foi para a América do Sul 15 anos atrás. De volta a Kent, ele vai procurar seu primo, Jorge, e pedir abrigo. E é na casa do primo que conhecerá Teresa Ray, uma órfã que se encontra abrigada na casa dos Rutland, mas é escondida de todos por ser manca de uma perna. A bondade da jovem vai encantar este homem, que terá seus planos mudados...

Uma Palavra Só é uma lenda árabe que aborda Samu e seu filho, Derab. Enquanto o pai sempre foi trabalhador e lutou para conquistar seu império, o filho nunca se importou em trabalhar. O pai, em seu leito de morte, dá uma missão ao filho: para ficar com a herança, o jovem terá que trazer até o pai uma moeda de prata, fruto de seu trabalho, em três dias, caso contrário será deserdado e ficará na miséria.


O mais interessante neste livro é que a autora passeia entre os mais diversos gêneros e consegue trazer qualidade em todos eles. Temos suspense, fantasia, terror, romance, fábulas e muito mais, uma obra completa em um único lugar. O leitor se ver preso nos contos e não consegue largar o livro até finalizá-lo. 

Uma boa parte dos autores são conhecidos por mim, mas alguns ainda não tive a oportunidade de ler, então adorei poder ter esse contato através da adaptação da autora.
Este foi o meu primeiro contato com a escrita da Marcia e sem sombra de dúvidas já quero repetir, visto que a mesma tem uma escrita deliciosa, fluida e encantadora.
"Há somente um momento que é importante, o agora! Agora é a hora mais importante porque é o único instante em que temos algum poder."
No final do livro, a autora traz um conto de sua autoria, Para que servem os poetas, onde é possível identificar sua marca nas poucas páginas. Neste conto ela aborda os sentimentos crus, mostrando as dificuldades que muitas vezes temos que enfrentar e que acabam nos afastando das coisas que amamos.

A edição da Coerência está um arraso, como sempre. A cada conto, temos no início um texto da autora falando sobre o mesmo e um pouco da sua experiência com o texto original, além de uma minibiografia do autor. 
"A verdade é como a semente da árvore que cantava: pode-se tentar abafá-la, traí-la com mentiras, tirá-la da luz, mas ela rebentará fulgurante, dando a vitória à justiça e confundindo o traidor."
Vinte Rever é um livro para se reler muitas vezes. Com contos bem escritos, vamos passear por histórias bem diferentes, mas capazes de nos levar a reflexões, aprendizados, crescimento e visões interessantes sobre os relacionamentos, sejam entre humanos, animais ou coisas. As escolhas da autora foram certeiras e mostraram sua capacidade de tecer histórias do seu ponto de vista. Se prepare para rever histórias queridas ou conhecê-las pela primeira vez!

Beijos da Lice

19 comentários

  1. Amo livros que nos fazem ter varias visões sobre relacionamentos. Ja fiquei super curiosa para ler tudo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que possa ler e gostar, pois são releituras maravilhosas.

      Excluir
  2. Nossa que interessante a sua abordagem, confesso que ainda nao conhecia esse livro, mas eu gostei bastante d sua resenha, beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Espero que tenha a oportunidade de conhecer a obra também. Beijos!

      Excluir
  3. Uau... Mote bem extratificado e interessante. Curiosidade bateu de maneira ímpar agora. Livros que explanam relacionamentos me interessan bastante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mais do que um livro que explana relacionamentos e isto é um dos pontos altos da narrativa!

      Excluir
  4. oi!
    Eu adorei a dica :) não conhecia o trabalho da Marcia Kupstas, a temática do livro é bem interessante...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O trabalho da autora foi feito com maestria, ela escreve muitíssimo bem.

      Excluir
  5. É incrivel o quanto as histórias podem seratualizadas e ainda assim contiarem tendo a verdadeira escencia né?! Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro, mas sinto que valeria muito à pena. Adorei a resenha. Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem sombra de dúvidas é uma história que valeria muito a pena, por tudo que nos é apresentado.

      Excluir
  6. Acho bem legal essa ideia de criar versões atuais a partir das clássicas, atrai bem mais o público, né? Me interessei bastante pelos contos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro essa ideia de trazer releituras de histórias tão conhecidas. É sempre uma delícia!

      Excluir
  7. Amo releituras! É sempre maravilhoso ler histórias clássicas repaginadas sob o ponto de vista de outros autores. Confesso que eu fiquei super curiosa sobre este livro. Já o coloquei na minha lista de desejados!

    ResponderExcluir
  8. Gosto demais dessa escritora e seus livros e fiquei com muita vontade de ler esse, já que se trata de contos, o que gosto muito também. Anotei a dica para ler em breve.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se já gosta da escrita da autora, se jogue neste livro, pois está espetacular, sem mais.

      Excluir
  9. Não conhecia o livro
    Parece ser bem interessante e instigante, quero conhecer essa história em um todo.
    Parabéns pelas fotos e pelo post!♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Na torcida para que possa conhecer em breve! Beijos!

      Excluir
  10. Olá, tudo bem?

    Eu não conhecia o livro, mas adorei a sua dica Lice, principalmente se tratar de contos da literatura considerada clássica! Adorei a resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir