[Resenha] Deixe-me onde a luz está - Jaqueline Gonchoroski

Olá amores, tudo bem?

Estou aqui para resenhar um dos últimos livros que li. Essa história tem um tema central bem diferente e me fez pensar sobre algumas coisas. Espero que gostem de conhecer.

Deixe-me onde a luz está
Autora: Jaqueline Gonchoroski
Páginas: 192
Onde comprar: Amazon
Nota: 
SINOPSE: Como se acostumar à escuridão depois de ter conhecido a luz? Raquel precisa recomeçar a vida com Benjamin, seu filho recém-nascido, após um acidente de carro que tirou a vida de Bernardo, seu marido. Ela começa a enxergar uma luz no fim do túnel quando Mateus surge disposto a fazê-la sorrir novamente. Esse encontro não aconteceu por acaso, mas ele guarda um segredo que vai afetar a vida de ambos, unindo ou separando-os para sempre.
UMA HISTÓRIA SOBRE RECOMEÇOS, FÉ E REENCONTROS.

Raquel conheceu Bernardo em um show do seu cantor favorito, John Mayer, e depois disso engataram em um namoro que logo virou um casamento.
Eles eram completamente apaixonados um pelo outro e quando ela estava grávida, Bernardo foi transferido para Búzios, onde eles viveriam em calmaria.

Só que a vida tinha outros planos e eles sofreram um acidente de carro que levou Bernardo a óbito. Raquel ficou em coma por algum tempo e não viu seu filho, Benjamin, nascer em uma cesárea que poderia ser considerada um milagre.
Já faz um ano que ela perdeu seu grande amor, mas não consegue esquecê-lo. A tormenta da perda ainda a persegue.
"A dor não faz parte de você, então não se sinta culpada se ela for embora."
E é nesta fase de tentar se reerguer que Raquel se deparará com um novo vizinho, Mateus. O homem acabou de se mudar e traz consigo um segredo, que vai balançar as estruturas da vida de Raquel. 
Mateus vai aos poucos trazendo cor para a vida dela, mas o processo do entendimento do luto ainda não está completo.

Depois de passar por uma grande perda, ela seria capaz de seguir em frente?


Esse é um livro que não posso falar muito sobre o enredo, pois os spoilers acabariam com a magia da escrita.
A história gira em torno de como a Raquel está finalmente entendendo que precisa seguir em frente depois da morte de Bernardo, até porque ela precisa cuidar do Benjamin.

Mateus vai surgir inesperadamente na vida dela e vai ser uma incógnita durante uma parte da obra. Só que a vinda de Mateus para Búzios tem um motivo, ele guarda um segredo que o faz viver no limiar em algumas situações.
"Nos fechamos em nossa dor de uma maneira egoísta, achando que ninguém entende ou sofre mais do que nós. Na verdade até gostamos de ser vítimas das circunstâncias, o que torna mais difícil se reerguer. Mas é bom ver a dor de outras pessoas para compreender que não somos os únicos."
Eu amei a construção das relações familiares nesta narrativa. A Raquel tem uma relação linda com a sua mãe, que foi seu apoio durante toda essa fase. A relação dela com os pais do Bernardo também é muito bacana, eles todos se tratam como uma grande família. E os amigos dela, Fernanda e Marcos, são verdadeiros irmãos para ela. 
Com o Mateus essa relação não é muito diferente. Ele tem uma família grande, mas se afastou deles nos últimos tempos por uma decisão sua. Porém, ele vai perceber que precisa reconstruir esses laços.

O tema central da narrativa é delicado, e algo que ainda não tinha visto em um livro. Ele consegue tocar nosso coração e nos fazer refletir sobre muitas coisas que o envolvem.
Outra coisa que achei bacana é a relação de Raquel com Deus. A mulher vai passar por um processo de se reconectar e confiar nos planos que Ele tem para ela. 

Com a narrativa dividida entre Mateus, Raquel e algumas partes por outro narrador "misterioso", vamos acompanhando as fases que eles estão passando.
Ao final da história me questionei se tomaria as decisões que Raquel teve, mas é difícil julgar quando não estamos vivenciando aquela situação na pele. É fato que eu me questionaria bastante sobre o todo.
"Eu acredito que Deus traçou a vida de cada um. Como ele vai viver, o que ele vai ser, qual seu propósito e quais as pessoas que o ajudarão nessa luta diária que é se manter vivo."
Deixe-me onde a luz está é um livro sobre recomeços, encontros, reencontros, força, fé e esperança. Uma história delicada, que trará pessoas tendo uma segunda chance na vida. Raquel precisa lidar com o sentimento de perda e terá o apoio daqueles que ama. É preciso reascender a luz quando ela se apaga...

Beijos da Lice

7 comentários

  1. Como sempre você arrasando nas resenhas. Gostei de conhecer essa obra, principalmente porque ela passa uma mensagem importante. Livros assim (que fala de um recomeço), podem se tornar marcantes na vida de alguns leitores.

    ResponderExcluir
  2. Tema de narrativa delicado me desperta o interesse. A vida não é tão simplista quanto alguns escritores a fazem parecer! Isso mostra que a autora esteve atenta à complexidade da vida.

    ResponderExcluir
  3. Eduardo Moretti:

    Uaauuuu... Que história. Amo tramas assim que falam de vida e os seus revezes, é interessante ver a evolução dos personagens diante os problemas. Quero mto ler, vc arassa nas resenhas, parabéns!❤👏👏👏

    ResponderExcluir
  4. oi!
    Amei a premissa desse livro, e fiquei meio curiosa com esse mistério envolvendo o Mateus,adorei

    ResponderExcluir
  5. Gostei do conteúdo dessa história por se tratar de um romance que também evoca temas mais intensos, sua resenha está incrível, vou colocar o livro na minha lista de leitura imediatamente!

    ResponderExcluir
  6. Aline amo livros assim sabia? É bem meu estilo de leitura obrigada pela indicação

    ResponderExcluir
  7. Eu não sou chegada nesse tipo de leitura. Eu sei, eu sei que a vida real é assim, que acidentes acontecem, que pessoas morrem! Mas, eu não dou conta. Definitivamente!!! hahahaa
    Mas, 4 estrelas é uma ótima nota.
    Abraços

    Carol, do Coisas de Mineira

    ResponderExcluir