[Resenha] Em Busca do Príncipe (não) Encantado: Meus Quinze Anos - Alice Raposo

Olá amores, tudo bem?

Hoje é dia de resenhar um livro fofo, que consegue nos proporcionar horas interessantes de leitura. Espero que gostem de conhecer!

Em Busca do Príncipe (não) Encantado: Meus Quinze Anos
Autora: Alice Raposo
Páginas: 160
Editora: Pandorga
Onde comprar: Com a autora / Amazon
Nota: 
*Livro cedido em parceria pela autora
SINOPSE: Você é adolescente ou já passou por essa fase? Se sim, convido você a viver as aventuras dos encontros e desencontros de uma garota que sonhava em viver um conto de fadas: euzinha! Em busca do príncipe não em encantado se desenrola na semana do meu baile de quinze anos. Nesse um quarto de mês, muitos acontecimentos virão: A busca pelo amor verdadeiro. O primeiro encontro com o garoto dos meus sonhos. A amizade como alicerce para solucionar os conflitos; O dilema de não saber quem é meu pai. Os conflitos com o namorado de minha mãe. A descoberta de um diário de capa preta. Que segredos há nesse diário? No meio disso tudo, eu tenho meus amigos: Tiaguinho, Ângela e Aninha. O quarteto inseparável. Será que somos mesmo tão inseparáveis? Amor, amizade, descobertas, desencontros, segredos, família, tudo isso acompanhado de muito chocolate para entreter você nesse romance! Vamos entrar nessa aventura?
Maria Flor está na semana do seu aniversário de 15 anos e está louca para ter seu baile de debutante, que sempre foi um sonho. A garota mora com a mãe e nunca conheceu seu pai, que faleceu.
Na semana do seu baile, ela passará por várias situações conflitantes. A primeira delas é descobrir que sua mãe está grávida do namorado e que em breve ele irá morar com elas. Essa notícia perturba Maria Flor, que não a aceita de bom grado.

Além disso, Flor ainda terá que lidar com a confusão de sentimentos. Ela sempre teve uma quedinha por Gustavo, que é irmão de uma de suas melhores amigas, Ângela. E parece que finalmente ele resolveu notá-la, o que causa certo alvoroço no coração da adolescente.
Só que os dois outros melhores amigos de Maria Flor não vão ficar muito satisfeitos com essa situação, são eles Tiaguinho e Aninha.
"Aprenda, Flor, tem acontecimentos que por mais que se tente limpar suas marcas, elas ficam encravadas na memória para sempre."
Outro problema inclusive vai chegar para balançar a todos, Aninha pode estar grávida. A jovem não havia informado aos amigos que estava saindo com alguém e foi um choque para todos a suspeita da gravidez.
Em meio a todos os conflitos da fase da adolescência, Flor descobrirá segredos que estavam guardados a sete chaves pela sua mãe, precisará fortificar suas amizades e deixar seu coração em paz.

Como lidar com uma avalanche de mudanças?


Esse é o típico livro que lemos em algumas horas e que nos traz uma sensação boa por relembrar uma época que é sempre tão conflituosa para qualquer pessoa, a adolescência.
Flor chegou aos 15 anos e precisará lidar com várias mudanças que irão interferir em seu futuro.

Gostei de como a autora conseguiu inserir problemáticas interessantes na narrativa, como a questão do adolescente aceitar o namorado da mãe e um irmãozinho. 
Abordar a gravidez na adolescência também foi importante, pois sinto que as obras ainda precisam discutir mais esse tema.

A Maria Flor cresceu sendo mimada pela mãe, que queria esconder dela todos os sofrimentos do mundo, mas finalmente ela vai começar a desabrochar e entender que a vida não é um conto de fadas. Flor vai se ver perdida de muitas formas, então essa busca por se encontrar da personagem nos move por caminhos interessantes dentro da narrativa.
"Flor, você precisa aprender que príncipes como nos contos de fadas não existem. Os caras com quem vai se relacionar vão ter muitos defeitos."
O segredo que a mãe de Flor guarda é realmente algo doloroso e profundo. Confesso que na parte que o mesmo foi revelado soltei algumas lágrimas. Infelizmente não posso falar sobre isto, pois um possível spoiler acabaria com a magia da leitura.

As amizades de Flor são um ponto alto dentro da história. Ela cresceu em meio a um quarteto que sempre se protegeu e mais do que nunca essa amizade precisará ser a base na vida deles. Amei particularmente a relação de Flor e Tiaguinho, e cheguei a torcer por um romance entre eles. Flor não enxergava que seu príncipe poderia estar ao seu lado.

A escrita da Alice é simples e divertida. Ela nos traz uma narrativa leve, onde embarcamos facilmente e conseguimos visualizar todas as situações. O fato de ser narrado pela Maria Flor apenas nos faz entrar com mais facilidade no universo da jovem. 
"O problema é que não há pessoas perfeitas, há imperfeitos que se encaixam."
Em Busca do Príncipe (não) Encantado é um livro juvenil gostoso de se ler. Com uma história simples, mas cheia de temas importantes e lições, vamos embarcar em uma fase complicada da vida de Flor. Ela precisará lidar com fatos conflitantes e aprender que a vida pode ser cruel muitas vezes...

Beijos da Lice

7 comentários

  1. Nossa, fiquei com vontade de ler!! Q maravilhosa resenha!!

    ResponderExcluir
  2. oi!
    Eu adorei o livro :D é uma história muito gostosa de ler, tem todos os dramas de um adolescente ;)

    ResponderExcluir
  3. Olá , embusca do príncipe não encantado , me parece ter uma leitura bem gostosa e um tanto realista . Gostei da parte onde diz que existe pessoas imperfeitas que se encaixam .

    ResponderExcluir
  4. Que leitura leve e gostosa! Só pela resenha já pude ver o quanto vou amar esse livro. Sem contar a capa que é um caso de amor a parte: linda demais!

    Bjs, Adriane Melo

    ResponderExcluir
  5. Não é o tipo de livro que eu normalmente gosto de ler, porém achei q parace ser uma literatura bem gostosinha, gostei da resenha, ficou ótima. Anotei a sugestão para ler quando estiver precisando de uma história mais levinha...

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto de livrosjuvenis e gostei de saber deste. Linda capa. Amei essa citação e é muito verdadeira: "O problema é que não há pessoas perfeitas, há imperfeitos que se encaixam."

    ResponderExcluir
  7. Que livro bacana, ja quero procurar aqui para ler amo estorias assim. Super gostei desta frase que vc destacou "Flor, você precisa aprender que príncipes como nos contos de fadas não existem. Os caras com quem vai se relacionar vão ter muitos defeitos."

    ResponderExcluir