[Resenha] O Retorno do Príncipe - Jadna Alana

Olá bruxinhos, tudo bem?

Algum tempo atrás eu trouxe as primeiras impressões de O Retorno do Príncipe e hoje, finalmente, vim trazer a resenha para vocês. E depois do primeiro livro A Princesa de Ônix, estava ansiosa por esse volume e só me surpreendi.
ATENÇÃO: Contém spoiler do primeiro volume.

O Retorno do Príncipe
Duologia Os Sete Reinos de Olivarium, Livro 2
Autora: Jadna Alana
Páginas: 310
Editora: Coerência
Onde comprar: Editora Coerência
Nota: 
*E-book cedido pela autora
SINOPSE: Depois de finalmente decidir qual será o rumo de sua nova vida, Amie Bell se depara com novas leis e hábitos a serem vividos no Clã do Pacto. As dores, as perdas, os questionamentos ainda fazem parte da vida da jovem bruxa, mas um novo elemento foi acrescentado a essa lista: a dor de ter perdido uma das pessoas que mais amava em sua vida. Depois que a decisão foi tomada, Amie entenderá que será preciso de muito mais que vontade. Ela precisará ser uma grande guerreira para ter que levar adiante seu plano de vingança.
Uma longa aventura começará. O Clã do Pacto precisará desvendar o enigma perdido que os levará até a Verdadeira Trindade.
Os Reinos de Olivarum estarão mais perto da destruição do que você imagina.
Após os acontecimentos de A Princesa de Ônix, onde Amie Bell perdeu seu irmão, Alek; descobriu os segredos sobre Olivarium e seus governantes, e soube quem seu pai realmente é, tudo está mudando.
Ela se juntou ao Clã do Pacto e junto com todos os outros participantes do clã está tentando encontrar a Trindade e assim destruir o governo instalado nos Reinos de Olivarium.

Amie está morando na Vila Principal do Clã do Pacto, na casa do Ciclo Sete. E junto com os outros, estão planejando como irão encontrar a Trindade.
Em Ônix, Angel, a noiva do príncipe Alek, se tornou viúva antes mesmo do casamento e está morando no castelo dos reis. O grande desejo da jovem é se tornar rainha e junto com a sua mãe, Lurdes, começa a planejar uma forma de chegar ao trono. Seduzir o rei parece ser o melhor caminho.
"O amor não deveria ser uma obrigação, mas uma escolha."
Quando a Vila Principal começou a ser invadida, o Clã do Pacto precisou ir embora e naquele momento começava a busca pela Trindade.
Além dessa busca pela Trindade e o seu desejo pessoal de vingança, Amie terá que lidar com sentimentos conflitantes entre um anjo, Derek, e um vampiro, Cavin.

Será que o Clã do Pacto conseguirá acabar com o sistema atual de Olivarium? Amie conseguirá sua vingança? 


Terminei esta leitura IMPACTADA! Quando eu li o primeiro livro tinha gostado bastante e ficado curiosa, mas esse volume superou todas as minhas expectativas.
A escrita da Jadna está claramente mais madura. Isso reflete no enredo criado por ela e nos personagens. Ela conseguiu me prender na sua narrativa e terminei o livro em algumas horas.

Amie, claramente, amadureceu durante a trama. A jovem bruxa sofreu bastante no primeiro livro com a morte do irmão e quando descobriu que o pai era um homem sem escrúpulos.
Ela começa essa finalização disposta a buscar vingança pela morte do Alek, mas durante a narrativa vai se deparar com outros acontecimentos que a farão crescer e aprender a se defender, surgindo uma força que ela não imaginava que existia nela.
"Nós nunca deixamos de pensar em vocês, meus filhos. [...] Apenas deixamos que vocês aprendessem com seus próprios erros."
Todos os demais personagens também foram bem trabalhados, com personalidades marcantes. Mas, o destaque fica mesmo por conta do Ciclo Sete ao qual a Amie pertence e ao Alexander, que é o líder do Clã do Pacto.
Derek foi o meu xodozinho, ele é realmente um anjo, em todos os sentidos. Só quero um para mim. Também adoro o Milos e suas cenas são as mais engraçadas, ele é muito autêntico!

Uma personagem em particular me surpreendeu completamente durante o enredo e fiquei de queixo caído. Amo quando os autores conseguem brincar com nossas emoções e nos fazer sair do ódio por uma personagem para o amor. 
Não irei citar quem é esta personagem porque creio que seja um spoiler e acabaria com a experiência de futuros leitores. Mas, deixo aqui o meu pedido de perdão a ela. Linda, você arrasou!


Com uma narrativa em terceira pessoa, a Jadna trouxe cenas de ações bem escritas e bem colocadas dentro do enredo, deixado a linearidade longe da história. A autora, inclusive, não poupou na hora das mortes, temos uma infinidade delas.

Temos também um triângulo amoroso bem claro formado por Amie, Derek e Cavin. Eu tomei partido logo no início e dessa vez não shippei o casal errado, o que sempre acaba acontecendo.
Mas, não pensem que esse triângulo é foco, na verdade ele fica em segundo/terceiro plano, com apenas alguns acontecimentos permeando os três.
"O amor podia bater de maneiras diferentes nos corações, era preciso ser cauteloso e decidir o que lhes faria bem até o dia em que suas batidas cessassem."
No decorrer da duologia, a Jadna abordou alguns temas que nos levam a reflexão e neste volume a principal mensagem é clara. 
Todos do Clã do Pacto estão lutando para que os seres possam finalmente amar sem amarras, sem a ditadura dos seres iguais imposta pelos Reinos de Olivarium.
Abordar este tema nos faz trazer esta realidade para os nossos dias atuais e levantar a bandeira do amor acima de tudo. Nós podemos e temos o direito de amar quem quisermos, independente do "ser" que ele é ou de qual seja seu sexo.
Além disso, a autora também quis mostrar a força da Amie como uma protagonista feminina e conseguiu. Ela crescer e se mostra forte, estando disposta a dar a sua vida pela causa.

Como já havia citado, a escrita da Jadna se tornou um dos pontos fortes na finalização da duologia e só tenho elogios. Quero ler outra obra dela o quanto antes!
Quanto a edição, não posso opinar. Li a versão em e-book disponibilizada pela autora, mas em breve vou adquirir a física para colocar na estante junto com o primeiro. Porém, tenho certeza que está linda, a Coerência não erra.
"Na vida há várias escolhas e caminhos a seguir. Vários amores, várias experiências, vários nãos e vários momentos de alegria e dor. Depende de cada um escolher o que lhe servirá para a vida toda."
O Retorno do Príncipe é uma fantasia envolvente e que encerra maravilhosamente bem a duologia de Olivarium. Os leitores terão muitas respostas em relação ao passado envolvendo a Trindade e todos os pontos foram bem amarrados.
Com muita ação e uma pitada de romance, a Jadna conseguiu criar personagens cativantes e proporcionar uma leitura fantástica com uma bela lição. Amie saiu do seu casulo, buscava sua vingança, mas vai perceber que sua luta é principalmente pelos reinos. Sua luta é pelo amor...

Beijos da Lice

12 comentários

  1. Oi Alice,

    Socorro que eu fiquei um pouco confusa com esse mundo dos Clãs do Pacto, Olivarium ou sei lá o que kkkk
    Eu sempre acabo me perdendo em distopias e ficções e por isso acabo não lendo muitas.
    Confesso que a história me deixou curiosa como um todo, mas a parte que tu disse que acabou o livro IMPACTADA com direito a 'caps lock' ativa, já me deixou querendo ler a história. E, pelo amor de Deus, quem é essa personagem secreta tão maravilhosa?
    Adoro livros que trazem temas para reflexão por trás de tudo e com uma protagonista feminina forte, só melhora a visão do livro, pra mim.
    Adorei!

    Grande beijo,
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulher, vai ler a primeira resenha que tu se situa melhor em relação aos clãs haha
      Essa duologia é realmente muito boa e se torna impossível largar as páginas. É meio que impossível não terminar impactada por tudo.
      Se tu lesse, acho que gostaria, pois a escrita é bem fácil e fluída!

      Excluir
  2. Oi Alice

    Fiquei curiosa com toda essa trama emocionante! Achei bacana também que mesmo em meio a uma realidade fantasiosa a autora toca em um tema muito atual, o de amar sem preconceitos. Com certeza um livro que fecha com chave de ouro a duologia acompanhada pelos leitores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o tema abordado é mais do que importante e bem atual. E foi uma fantasia feita de forma maravilhosa! Vale muito a pena!

      Excluir
  3. Acho muito legal quando um livro mexe com os leitores como este fez contigo. O bacana da literatura fantástica é que eles parecem ter mais liberdade de tocar em assuntos ainda espinhosos sem carregar no peso.

    ResponderExcluir
  4. Olá Alice tudo bem..
    Pela resenha parece ser um ótimo livro e sempre passando do Real para o fantasioso.E as vezes esta passagem nos ajuda a entender os dois lados ...
    www.robsondemorais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Gosto de leitura que reúne esse mundo de fantasia. Não conheço a série e fui ler sua primeira resenha para poder entender melhor e acredita que fiquei super curioso agora para ler os dois???

    ResponderExcluir
  6. Omg! Se eu já estava apaixonada pela resenha no insta, imahina agora? Amei, amei. Obrigada por esse carinho com a Amie e o Clã. Fico muito feliz quando os leitores gostam. A magia existe, não esqueça! Ipsa Trinitas!

    ResponderExcluir
  7. Olá ♥
    Que resenha maravilhosa, eu ainda não li nada da autora, mas já me falaram muito bem da escrita dele e depois da sua resenha a vontade de conhecer só aumentou.
    Acho muito legal como conseguimos ver que os personagens amadureceram de um livro para o outro, Amie luta pelo amor e já ganhou um lugarzinho no meu coração. Fiquei bem curiosa pra saber tudo o que vai acontecer e já vou lá ler a resenha do primeiro kkkkkkk....

    ótima quinta
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
  8. Olááá Alice, tudo bem??

    Já escutei falar muito bem sobre essa autora mas ainda não tive a oportunidade de conhecer alguma obra dela.
    Sua resenha está maravilhosa e essa fotos, perfeitas!! Ameeei.
    É sempre bom quando o segundo volume nos surpreende positivamente, ainda mais dando o desfecho para essa história que você gostou tanto. Já quero conhhecer mais sobre essa duologia.

    Bjs,

    Garotas Devorando Livros

    ResponderExcluir
  9. Oi Alice! Primeiramente, só essa capa já ia ganhar meu coração DE CARA! Que coisa mais linda. Depois, eu adoro fantasia. E adoro essa premissa de reinos, bruxas e tudo mais. E, vamos combinar, quando pegamos uma sequência e ela se supera, é muito gratificante. Sempre fico com medo de ser menos do que esperamos, mas ser IMPACTADA haha, deve ser maravilhoso. Eu tenho conhecido alguns livros da Coerência através de indicações suas e to amando! Fiquei de olho nessa duologia também. Beijos
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  10. Oii, tudo bem? Eu acho as capas dos livros da Jadna a coisa mais linda ♥ Não sou muito de ler fantasias, mas esses livros estão na minha listinha de desejados já há algum tempo.
    Amei a sua resenha!!!

    ResponderExcluir