[Resenha] Amor à Terceira Vista - Hailane Braga

Olá amores, tudo bem?

Sabe quando ver ler um livro muito bom que tem aquela pegada bem leve, mas que traz aquele quentinho ao coração? Então, Amor à Terceira Vista da Hailane Braga é assim. Espero que gostem de conhecê-lo!

Amor à Terceira Vista
Autora: Hailane Braga
Páginas: 256
Editora: Novo Século
Onde Comprar: Amazon / Americanas
Nota: 
*Livro cedido pela autora
SINOPSE: Carolina acreditava viver um perfeito conto de fadas: carreira consolidada, estabilidade financeira, uma casa ampla e um marido lindo. O que ela não imaginava é que esse conto, na verdade, estava às avessas. Ao perder a casa, o marido e tudo o que ela amava, Carolina viu sua vida desmoronar. Mas os caminhos da vida nos reservam muitas surpresas, e a chegada de um novo redator-chefe na editora em que ela trabalha a faz ver a vida de uma perspectiva diferente.
Delicie-se com os encontros e reencontros do amor e descubra os segredos que ele pode proporcionar em ‘Amor à terceira vista’.
Carolina tinha o sonho de conhecer o cara perfeito, namorar, casar e viver o seu felizes para sempre. Aos 15 anos conheceu Tony, um jovem de 21 anos que cursava Direito, e acreditou que ele seria esse cara. Um namoro logo foi engatado e ela sempre vivia ouvindo sua melhor amiga, Ana, falar que deveria transar logo. Ana adorava aproveitar a vida e já tinha ficado com muitos caras.

Depois de duas semanas de namoro, Carolina e Tony foram passar um final de semana com Ana e seu peguete da vez em uma casa de praia. E assim, ela perdeu a virgindade. Todo o romantismo que ela idealizava não aconteceu, foi algo bem automático.
A relação com Tony andava de vento e poupa, mas Carolina passou a viver apenas para ele, o que inclusive acabou a afastando de Ana.
"Tony me venceu com as palavras mais uma vez. Ele errou, eu pedi perdão, ele aceitou. Nós vivemos felizes para sempre. Fim! Oi? Fim? Fim nada, essa foi só uma das mil vezes que ele me manipulou, fazendo-me sentir culpada por algo que ele fez e pelo qual me submeti a humilhação"
O casamento veio, mesmo com tantas pessoas a alertando-a de que Tony a traia. Mas, para Carolina, as histórias que Tony contavam eram a verdade. 
Aos poucos, ela foi percebendo que talvez ele realmente não fosse tudo aquilo, ele sempre arrumava uma forma de culpá-la por seus atos.

Quando Carolina  pegou uma conversa de Tony com a estagiária, Carolina soube que era o fim do seu casamento. Dessa vez, ela não deixaria ele usar as palavras contra si.
Assim, ela deixou a casa que dividia com ele e foi para o seu próprio apartamento, e focou no seu próprio emprego.

Com a chegada de um novo editor-chefe para a editora que trabalha, Carolina vai ter seu mundo revirado. Frances é extremamente lindo, sendo um chefe daqueles gostosões!
O que será que o futuro aguarda para Carolina?
Sabe aquela leitura deliciosa que você sente e ler de uma vez? Então, este livro é assim. Antes de iniciar a leitura não imaginava o que me aguardava e acabei sendo totalmente surpreendida por um enredo completamente envolvente e uma escrita deliciosa.

Carolina viveu o famoso "falso amor", acreditando em mentiras criadas por Tony durante anos. No passado ela teve um romance com um garoto que precisou ir embora atrás dos seus sonhos e talvez ele foi o responsável por ela acreditar em Tony.
Ela é uma personagem que vai mudando durante a obra e criando uma autoconfiança em relação a tudo. Quando deixa Tony, ela redescobre a vida.
"Gente, apaixone-se, mas não fique cega, pelo amor das virgens desvirginadas antes da hora - eu. Ninguém é sonsa para sempre. Amor é amor, mas precisa ser cultivado"
Tony é um personagem detestável. É impossível não criar ranço por esse homem. Sério mesmo!
Já Frances é o completo oposto. O homem passou os últimos anos vivendo nos EUA, onde trabalhou no The New York Times, e acabou voltando para o Brasil depois do fim de um relacionamento fracassado. Frances é o tipo que te faz suspirar. Que homão!

Ana é a responsável por trazer muitos momentos descontraídos no livro. Ela é aquela amiga que sempre está do lado e que tenta colocar a amiga para cima. Ela e Carolina acabaram se afastando por causa de Tony, mas com a separação, elas irão voltar a se aproximar.
Um dos temas que mais gostei que foi abordado pela Hailane é o fato de um relacionamento tóxico e abusivo. Tony sempre bagunçou a cabeça de Carolina. Ele revertia todas as situações, colocando a culpa na mulher, que acabava se autoculpando e agindo como se fosse a errada. O relacionemto deles era totalmente abusivo psicologicamente, Carolina tinha se deixado retrair e passou a viver nas sombras dele.

Com este término de casamento, vemos Carolina saindo do casulo e se permitindo viver outras experiências e momentos.
Frances vai representar essa mudança em sua vida. O editor-chefe lhe dar a impressão de ser conhecido e eles vão criar uma empatia instatânea. Adorei como a relação deles foi criada e abordada.
"Parece que eu me libertei do pior cretino que já andou na face da Terra. E, a cada dia que passava, eu tinha mais certeza de que ele fora o pior erro da minha vida"
A escrita da Hailane é um dos destaques dessa obra. A autora escreve de forma fluída e envolvente, o leitor entra de cabeça em todas as situações narradas. Quando comecei a ler, imaginei uma escrita engessada e ter essa surpresa foi extremamente satisfatório.
O enredo não vai para um caminho de "perfeição", as coisas seguem a vida real e isto foi o bacana.

Quanto a edição, está linda. A capa traz a representação de uma mulher através de uma cidade grande. Por dentro, cada capítulo se inicia com uma imagem de prédios. Em relação a revisão, encontrei alguns erros, mas nada que atrapalhe a experiência de leitura.
"Uma experiência ruim pode arruinar toda a sua vida amorosa"
Amor à Terceira Vista é um enredo sobre novas chances na vida. Carolina viveu por anos em um relacionamento abusivo, mas finalmente se libertou. A mulher vai começar a aproveitar todas as oportunidades na vida e inclusive se descobrir quanto aos seus desejos.
Nada acontece por acaso e quando um editor-chefe bonitão surge, talvez seja a sua segunda chance de fazer algo certo. Mas, entre conflitos internos e o passado, ela vai ganhar uma terceira chance. E Carolina sabe, se não aproveitá-la, não terá outra. Três chances serão suficientes para formar um relacionamento?

Beijos da Lice

15 comentários

  1. Olá, aparentemente, mais que uma história de amor, esse conto é sobre auto valor, mesmo que a personagem principal continuasse solteira, após o fim do casamento com o Tony, ela estaria melhor do que estava anteriormente.
    Esse conto é mais uma prova de que não vale a pena ficar com alguém que não é digno desse amor, isso era mais comum antigamente, hoje as pessoas estão se libertando mais.
    Emerson Lemes.

    ResponderExcluir
  2. Não li o livro, mas imagino se tratar de um romance super atual e cheio de propostas reflexivas... É maravilhoso quando a gente despretensiosamente pega uma leitura e acaba mergulhando num universo de questões que podem transformar nossa vida, nos despertar para enxergar situações que nem imaginávamos vivenciar.
    Parabéns pelo post e pela resenha.

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Adorei a sua resenha! As histórias de amor são sempre encantadoras, principalmente quando o enredo traz encontro e desencontro, a procura de um nova chance de vida.
    Vou colocá-lo na minha lista.

    ResponderExcluir
  4. E a primeira vez que me deparo com esta obra e fiquei surpreendida com o enredo, pois a capa não diz muito do que esperar da história, mas amei o conteúdo principalmente de abordar um amor tóxico e abusivo, pois muitas das vezes correlacionamos esse tipo de coisa com agressão física, mas existe também os de agressão psicológica. Gosto de tramas assim que retrata o recomeço, o mudar de vida, se tornar melhor.

    ResponderExcluir
  5. Nunca ouvir falar desse livro, e sinceramente amei só pela resenha! 💕 Você fez uma resenha perfeita, já quero ler esse livro! 🖤 Vou adicioná-lo a minha lista! 😊💙

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Acho super importante falar de agressão psicológica, a maioria das pessoas não conseguem enxergar esse tipo de agressão, nem a própria vítima e dar um pouco mais de luz para isso pode ajudar bastante em especial as leitoras que podem vir a reconhecer alguma situação

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? :)

    eu aina não conhecia esse livro, mas ele parecer ser bem bacana. A premissa dele é ótima, e acredito que o tema abordado é de suma importância. Vou deixar anotado aqui como dica de leitura.

    Beijos <3

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li o livro já quero muito ler, esse livro com certeza vai ajudar muitas mulheres a perceber o que é um relacionamento abusivo: direto e indiretamente...
    já quero muito ler com certeza!!!
    Bjs,
    https://keilycesporkeilaluciablog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi! Apesar de não ser um dos estilos que eu mais leio, eu gosto quando o romance vem com algumas situações reais, como no caso desse, mostrando um relacionamento tóxico, e mostrando também que pode ser difícil, mas é possível deixar quem te faz mal e dar a volta por cima e mudar vida. Claro que nos livros é muito fácil, mas ainda assim, parece legal mostrar isso e encorajar quem precise. E abrindo portas para um amor de verdade também! Obrigada pela dica!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  10. Olá, amei conhecer esse livro pela sua resenha, já fiquei com ódio do Tony, ainda bem que a protagonista conseguiu se libertar desse relacionamento abusivo, muito bacana a autora ter abordado o tema em seu livro.

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia a autora mas sua resenha me fez querer ler o livro, principalmente pela temática. Achei esse titulo incrível e a capa é bonita também.

    ResponderExcluir
  12. Oi Lice!!
    Não conhecia a autora e nem o livro, mas gostei muito da sua resenha. Achei interessante essa temática de primeiro amor e que infelizmente não deu certo. Talvez por ela ser tão jovem não tenha percebido que Tony não prestava. Dica anotada!!
    Bjs
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  13. Amei muito o título!

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Lice, sua linda, tudo bem?
    Gostei do título do livro e por ele se tornar verdadeiro durante a história, pois geralmente só temos uma chance e às vezes duas. Então, para sermos felizes não podemos desperdiçá-las. Mas sabemos que não é fácil, depois de um relacionamento abusivo confiar em alguém novamente e se permitir. Parece ser uma linda história de amor. Sua resenha ficou ótima, não vejo a hora de ler.
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem Lice?

    Eu (Yvens) sinceramente não conhecia o livro e achei bem interessante a premissa, história de amor são normalmente sinônimos de sucesso. Gostei da capa, ficou bem bonita e a sua resenha está completinha, muito boa.
    Abraço!

    ResponderExcluir