[Resenha] Kalel - Cinthia Basso

Olá jogadoras, tudo bem?

Hoje a resenha é de um daqueles livros que nos apaixonamos completamente e queremos que o mundo conheça, de tão espetacular que é. "Kalel" foi uma grata surpresa e ao finalizar a leitura, apenas queria mais. Espero que gostem de conhecer, assim como amei ler!

Kalel
Trilogia Implacavéis, Volume I
Autora: Cinthia Basso
Páginas: 700
Editora: Independente 
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
*E-book cedido pela autora
SINOPSE: Kalel “Destruidor” Haucke, o capitão do time de hóquei Boston Red Ice, vive uma vida regada a sexo, sem muitas preocupações além da sua devoção pelo esporte. É insuportável, convencido e charmoso ao extremo, usando desses artifícios para ficar com as mulheres que deseja, sem se importar em como elas se sentirão depois.
Mas poderia tudo mudar quando coloca os olhos no maior desafio que já enfrentou?
Lindsay Campbell é destemida, uma tenista que não mede forças para conquistar todos os seus sonhos. Guarda segredos que esconde de todas as pessoas, segredos que podem acabar com a sua carreira, assim como, a de quem se aproximar dela.
Ambos vão se encontrar e então tudo será posto à prova.
Uma escolha terá que ser feita.
Uma decisão respeitada.
O esporte é a solução ou a causa dos problemas?
Uma pergunta, que infelizmente, parece não ter resposta.
Kalel "Destruidor" Haucke é o capitão do seu time de hóquei, o Boston Red Ice. Mulherengo assumido, adora um bom sexo e é completamente apaixonado pelo esporte que pratica.
Ele tem dois melhores amigos, Craig, jogador de futebol americano, e Aidan, jogador de beisebol. Os três se conhecem desde a adolescência e já compartilharam muitos momentos juntos, inclusive com mulheres.

Quando Kalel avista uma loira de tirar o fôlego na festinha que Aidan está dando em sua casa, sabe que precisa tê-la em sua cama. A loira se trata de Lindsay Campbell, uma tenista que é prima de Aidan, que nunca havia mencionado-a antes.
Craig trata de acabar com as esperanças de Kalel, pois já tinha levado uma raquetada quando tentou dar em cima de Lindsay.
"Se um babaca só tem olhos para suas pernas, passe uma rasteira nele"
Mas para Kalel não existe conquista impossível. Só que Linds está longe de ser como as outras mulheres que ele teve em sua cama. Ela não cai nos encantos do jogador, que acaba ficando ainda mais interessado, levando-o a apostar com os amigos que a terá em breve.

Lindsay Campbell é uma jogadora de tênis que sempre lutou pelos seus sonhos e está buscando conquistar os 4 principais Grand Slam em um único ano, o que seria uma feito extraordinário. O passado a persegue. Ela guarda segredos que podem destruir sua carreira, acabar com a sua vida e de quem estiver ao seu lado.
Ela resolveu passar uns dias na casa de Aidan, pois ele é o único da sua família que a entende e sabe o que aconteceu no passado.

Kalel não vai desistir de conquistar Linds, e seu amigo de baixo também está disposto a não desistir. Suas ereções por ela são cada vez maiores, e em todos os sexos que faz depois de conhecê-la, acaba pensando nela e nas suas belas pernas.
Porém, Linds sabe que precisa resistir, se envolver com Kalel seria o mesmo que destruir a carreira dele, e ela sabe o quanto ele ama o esporte.
"Já era destruída demais sozinha, para causar estragos a mais alguém"
Será que Linds se manterá afastada de Kalel? Quais são os segredos do passado dela?
Preciso declarar o meu amor por esse livro. Li a obra em apenas um dia e a cada momento ficava mais apaixonada pelo enredo e personagens.
Tanto o Kalel, como a Lindsay são humanos. Os dois vão errar e acertar na mesma proporção, e a vida não foi fácil para nenhum deles.

O passado da Lindsay é capaz de causar um embrulho no estômago, pois veremos que a pessoa que deveria cuidar e zelar por ela, sua mãe, é o maior pesadelo da vida dela.
Lindsay cresceu no esporte por seu esforço e dedicação, ela aprendeu a se virar sozinha e buscar o que almejava. É determinada e arisca.

Apesar da pose de mulherengo assumido, Kalel também teve que lidar com seus problemas. Sua mãe o criou sozinho no Canadá, ele não teve a presença de um pai.
Ele sempre amou patinar, e o hóquei é sua maior paixão desde sempre. Kalel sabe aproveitar todos os seus momentos e não se impede de vivê-los.
"Se eu me achava um bloco de gelo, Lindsay era praticamente um iceberg quilométrico"
É fato que Kalel me causou raiva em alguns momentos no livro. Ele chegou a me irritar com algumas insinuações em relação a Lindsay. Mas, como já falei, são personagens humanos, que vão cometer erros.
Durante a narrativa ele vai amadurecer, e nesse momento ele me conquistou por completo. Suspirei por Kalel e não foram poucas vezes.

Aidan e Craig também conseguem conquistar seu lugar especial. Aidan aparentemente é o mais quieto dos 3 amigos, é o famoso "come pelas beiradas". Já Craig é o mais sem noção deles, não tem filtro algum e fala as maiores barbaridades, o que proporciona muitas gargalhadas. 
O bacana dessa amizade é que eles não praticam o mesmo esporte, então eles acabam frequentando os jogos do outro e se apoiando.
O assunto tratado pela Cinthia em relação a Lindsay é muito importante, pois, mostra a crueldade de algumas pessoas e o que elas fazem para obter poder e dinheiro.
Impossível não ficar revoltado com dois personagens, que são a encarnação do mal e só merecem desprezo.

A escrita da Cinthia continua maravilhosa e a cada obra, percebo um avanço. Todos os diálogos e situações são bem escritos e colocados, te levando a ficar vidrado no livro até o final. A narração é dividida entre Lindsay e Kalel, o que nos faz enxergar os dois lados.
Quanto a edição, a capa é um arraso. A diagramação está linda, como em todas as obras dela, e encontrei pouquíssimos erros ortográficos.
"Todo mundo tentava explicar o amor e ninguém conseguia, agora eu entendia o motivo. Explicar era perda de tempo"
O relacionamento de Lindsay e Kalel ocorre de forma intensa, e por causa do temperamento explosivo dele em alguns momentos e das coisas que ela esconde, nem tudo vai sair como planejado.
Terminei essa obra querendo mais dos personagens, e não vejo a hora de ter o livro do Aidan e Craig, principalmente do Craig, que é minha grande aposta pessoal.

Kalel tem um enredo envolvente, delicioso e certeiro. Com drama e comédia na dose certa, personagens bem construídos e o esporte como pano de fundo, nada falta ou sobra dentro do livro.
A única certeza é que quando você acabar de ler, vai querer revisitar o rinque de gelo para ver o Kalel segurando seu taco e fazendo suas jogadas. 
O Destruidor encontrou alguém tão obstinada quanto ele, e tentar dobrá-la não será uma atividade fácil. Se ele vai conseguir? Façam suas apostas e estejam dispostos a ganhar ou perder...

Beijos da Lice

12 comentários

  1. Aquela resenha que faz o coração transbordar amor!! Só poderia ter sido feita por uma pessoa tão maravilhosa <3

    ResponderExcluir
  2. O livro tem uma história envolvente, é muito bom ler uma história com uma mistura de drama e comédia, a capa é linda, gostei muito do personagem do Kalel, excelente esse livro da autora Cinthia Basso, bjs.

    ResponderExcluir
  3. oi!
    Eu gostei do livro :D a historia é maravilhosa, não conhecia essa autora. Vou ler com certeza ;)

    ResponderExcluir
  4. Achei interessante a sinopse, a história, sua resenha. Esse pano de fundo de esporte é bem novidade para mim em uma leitura. Parece ser bem boa essa leitura.

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro livros com personagens que tão bem fundo no meio esportivo. Sempre tem uma dinâmica de amizade, algo mais competitivo rolando e eu acho bem divertido. Vou por esse na listinha aqui.

    www.popsicle.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Não conhecia a autora, tão pouco a obra e já anotei a dica na minha lista. Quem é meu amigo literário sabe, que eu AMO livros no meio do esporte. Adorei sua resenha e seu blog, inclusive haha Adorei sua resenha!

    Bjs
    blog Tell Me a Book

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?

    Eu (Yvens) não curto essas capas "sensuais" com homens ou mulheres expondo o corpo, acho desnecessário mesmo sendo romance. Achei a sua resenha bem legal, ficou bem escrita e organizada, para quem curte o gênero deve ser uma boa pedido e achei interessante ter esporte no meio.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Ai! Não sei! Adorei sua opinião, sinopse e tals, mas poxa é série ( evito, quase odeio rs ) Sabe quantos livros ainda tem?
    Parabéns pela resenha, me deixou empolgada! Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas fiquei feliz por ver o quanto você gostou. Confesso que achei um enredo bastante clichê, de um jeito que me incomoda. Principalmente porque não suporto livros em que o mocinho sente uma forte atração pela mocinha e não vai desistir até conseguir, algo que vejo como uma romantização do ato de não aceitar o não.
    O único ponto que me deixou um pouco curiosa para ler foi em relação ao passado da Lindsay. Por causa disso, acho que leria só para descobrir o que ela escondia e qual foi o assunto abordado pela autora.
    De qualquer forma, adorei a resenha e vou levar sua opinião em consideração para decidir se lerei futuramente.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Duas coisas me deixam com o pé atrás com esse livro. Primeiro, o plano de fundo de esportes, que é um tema que não me interessa nem um pouco e não curto encontrar em livros. Segundo,me parece ter cenas hot, coisa de que gosto menos ainda, por causa desse papo de ereções e de que todo o sexo que ele faz depois de conhecer a Lindsay faz pensando nela - aliás, achei bem ruim isso. Não acho que seja meu tipo de livro, mas que bom que gostou tanto da leitura.

    ResponderExcluir
  11. Não li o livro mas a tua resenha já me fez gostar da trama. Segredos, quem não curte descobri-los? Vou procurar o livro, já fiquei curiosa o bastante sobre o passado da Linds!
    Parabéns pelo post e pela resenha!

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, e adoro quando a leitura trás estes sentimentos, ainda mais quando os personagens são humanos. Gostei e vou querer ler.
    Bjs, rose

    ResponderExcluir