[Resenha] Os Filhos da Morte - Isabella Balliano

Olá pessoas mortas, tudo bem?

Hoje venho resenhar um livro MARAVILHOSO, que me deixou surtada ao finalizar a leitura. Quero sair apresentando o livro para todo mundo, pois TODOS PRECISAM LER. 
Uma fantasia ESPLÊNDIDA. Só leiam a resenha e acompanhem meus surtos, serão muitos!!! 

Os Filhos da Morte
Autora: Isabella Balliano
Páginas: 450
Editora: Coerência
Onde Comprar: Coerência / Amazon (e-book)
Nota: 
*Livro cedido pela Editora
SINOPSE: Valentina Salazar costumava ser uma garota normal prestes a seguir sua carreira de modelo, até que um acidente ocasiona a sua morte e ela recebe uma segunda chance de viver. Ela não é mais a humana que costumava ser, e sim torna-se uma Filha da Morte, uma guerreira nascida do sopro de vida de um Anjo da Morte. Tendo que ajudar os humanos contra demônios, bruxas, vampiros e lobisomens, ela sofre as consequências de um plano sanguinolento e demoníaco enquanto embarca em uma jornada que pode decidir a sobrevivência da humanidade.
Valentina Salazar teve sua vida interrompida após um acidente de carro. A jovem que almejava a carreira de modelo, viu tudo ruir com sua morte prematura. No entanto, ela teve uma segunda chance de viver. O Anjo da Morte, Eros, escolheu-a para tornar-se uma Filha da Morte.
Os Filhos da Morte são humanos que morrem e são escolhidos por anjos da morte para tornarem-se guerreiros que combatem o sobrenatural, mantendo a humanidade em harmonia. Assim, os Filhos da Morte tem como principais rivais: demônios, bruxas, lobisomens e vampiros.

Faz 1 ano que Valentina tornou-se uma Filha da Morte e neste tempo ela conheceu Matheus, que acabou virando um irmão para ela, ambos se protegem, já que não podem manter laços com suas famílias humanas. Matheus e Valentina foram treinados juntos, e desde então também realizam a maioria das missões em conjunto.
"Eu era feita de morte. Ter que ver dezenas de Filhos da Morte e humanos morrendo era um fardo no dever que fazíamos"
Quando eles partem em uma missão para destruir um antro de vampiros, tudo acaba mudando rapidamente. Um colega acaba morrendo; ela conhece Blake, um Filho da Morte convencido e que aparentemente derrete o coração de todas; e ela e Matheus precisam ir para um Porto-Seguro, pois algo maior está prestes a acontecer.

O Porto-Seguro é uma das poucas moradas que possui vários Filhos da Morte, e este é comandado por Arthur e sua mulher, Laura. Os dois são pais da irritante Sol, uma Filha da Morte pura.
Valentina e Matheus foram levados até ali porque demônios estão sequestrando adolescentes humanos, o que está tonando o mundo sobrenatural um caos, pois eles possuem algum plano. 
"Enquanto Eros era sinônimo de tranquilidade e calma, Blake era loucura, inconsequência e agitação que me chamavam feito a fruta proibida da Eva"
Valentina acabará ficando no mesmo quarto do sedutor Blake, que mexe com ela, confundindo-a, pois ela sabe que não deve envolver-se com ninguém.
Em meio a uma guerra que está para iniciar com demônios no comando e Desertores (traidores) dentro do Porto-Seguro, Valentina precisará manter seu burburinho interno no controle e decidir entre dois opostos.

Uma guerra irá começar e os Filhos da Morte precisarão usar todas as suas armas ao seu favor. Qualquer vantagem é válida. Qual será o final dessa história?
QUE LIVRO MARAVILHOSO É ESSE??!!!
Finalizei a leitura desta obra completamente surtada e desejando uma continuação para ontem, eu preciso saber o que vai acontecer, pois é muita coisa para meu pobre coração aguentar.

A Isabella escreveu uma fantasia espetacular, que pode ser comparada com a de qualquer autor conhecido no gênero. Ela descreveu muito bem todas as nomenclaturas inseridas na obra e o leitor é capaz de entrar no universo criado e visualizar com nitidez todas as sequências de acontecimento, assim como é o funcionamento do mundo sobrenatural.
"Ele era como fogo e eu sabia que se interagisse com ele, iria me queimar pra valer"
É explicada a diferença entre os Anjos da Morte e os Ceifadores. Enquanto os Anjos da Morte dão a vida a um humano morto, possuindo um mínimo de ligação com os escolhidos; os Ceifadores, são simplesmente aqueles que acabam com as vidas.
Alguns Filhos da Morte acabam se associando aos demônios, e estes são considerados Desertores. No livro vamos encontrar vários deles. Esses Desertores acabam se alimentando da energia humana, coisa que os outros Filhos da Morte abominam.

Os Anjos são descritos no livro como pessoas sem sentimentos, ou seja, precisam ser neutros, não possuir emoção humana. Eles são os chefes dos Filhos da Morte.
Os demônios, por sua vez, fazem possessão nos corpos humanos e colecionam almas boas para Lúcifer. Os vampiros se alimentam dos humanos. Os lobisomens podem se transformar quando desejam.
"Às vezes não conseguimos escolher por quem nos apaixonamos. O coração é traiçoeiro, mas podemos escolher quem nos faz bem de verdade. É aí que entra a razão"
É um universo muito bem explicado e claro. O leitor não ficará confuso com as informações, pois elas foram passadas de forma limpa.
Com certeza fui surpreendida pelo enredo criado, pois não imaginava algo tão bem amarrado e informações tão precisas.
Valentina, sem sombra de dúvidas rouba a cena do livro. Uma personagem forte, empoderada, que realmente nasceu para ser uma Filha da Morte, pois não possui medo algum em morrer, entrando em muitas missões suicidas. 
Ela é o tipo de personagem que vamos amar e com certeza virou uma das minhas preferidas, por toda a sua imponência. 

Blake ou Jonathan (seu nome quando humano), é um personagem com um passado humano de arrepiar. A transformação dele em Filho da Morte é a mais surpreendente. Ele faz uso do seu sarcasmo e seu jeito conquistador para esconder algo dele mesmo. Ele guarda tantas coisas dentro de si, que seria capaz de explodir e muitas vezes usa coisas nada legais para colocá-las para fora.
Jonathan virou o meu novo crush literário! Eu amei esse personagem do começo ao fim.
"Nunca na vida achei que fosse pertencer a alguém. Achei que fosse completo sozinho. Nunca senti a necessidade de ficar com uma mesma mulher até conhecer você. Agora, sim, me sinto completo"
Os demais personagens também possuem seu destaque no livro. Todos têm um papel fundamental na construção do enredo e em algum momento vão se mostrar importantes.
Por ter várias espécies de sobrenaturais, não pensem que isto atrapalha o desenrolar da obra, apenas acrescenta no todo.
O segredo do Desertor no Porto-Seguro foi mantido pela autora até as últimas páginas e fiquei surpresa com a revelação, ela soube trabalhar este ponto muito bem.

Uma coisa que merece destaque são as cenas de ação. Durante a leitura teremos várias lutas e todas elas foram magnificentes. A descrição das lutas imerge o leitor para a cena, fazendo-o visualizar a movimentação como se estivéssemos assistindo a um filme. Para leitores que adoram sangue derramado, aqui teremos muito.
"Estou perdido em você e jamais, jamis vou achar o caminho de volta"
A autora também investiu no romance. Valentina não terá apenas o Jonathan lhe balançando, outro ser também fará isso. Apesar de no início soar como um triângulo amoroso, creio que a escolha da Valentina tenha ficado explícita (ou eu tenha enxergado desta forma porque já tinha uma torcida rs). Mas, esta pitada de romance só acrescenta a obra. Para aqueles que são receosos com triângulo amoroso, não precisam se preocupar.

O final do livro é arrebatador. O leitor com certeza vai desejar o próximo com fervor, pois precisamos saber o que aconteceu em especial com um personagem. As últimas cenas são eletrizantes e mesmo sendo um livro de fantasia, confesso que chorei, as lágrimas apenas surgiram. 
Um personagem em especial vai te fazer odiá-lo e mandá-lo de volta para o inferno, de onde não deveria sair. 
"Corpos e rostos bonitos são fáceis de encontrar. Mas, o que você tem aqui dentro é maior do que tudo"
A escrita da autora, como já citei, é muito boa. A narração é feita em primeira pessoa pela Valentina, o que nos aproxima mais da personagem. 
A capa está um arraso, os elementos têm tudo a ver com a história. A diagramação também está muito boa. O trabalho da Coerência, como sempre, maravilhoso.

"Os Filhos da Morte" é um livro com uma narrativa fácil, fluida e marcante. O leitor vai se apaixonar pelos personagens e vai ser impossível largar as páginas. Ação, romance e suspense na dose certa, com cenas que apenas levam o leitor no limiar da tensão e da paixão. Um universo sobrenatural coeso e de arrepiar. Valentina apenas começou a sua jornada e ela não imagina o que a aguarda. Nos resta acompanhá-la e torcer para os bonzinhos, que neste caso estão ligados diretamente a morte.
"Estamos em uma guerra e não é possível salvar todos, por mais que queiramos"
Beijos da Lice

20 comentários

  1. Ultimamente não estou tendo muito tempo para lê mais esse livro em especial me chamou muita atenção por tranta de espírito da morte, demônios, bruxas, vampiros e lobisomens.vou tentar arrumar um tempinho para ler-lo pois fiquei curioso para saber mais detalhes.

    ResponderExcluir
  2. Queria ter mais tempo pra ler ou pelo menos me esforçar pra isso, mas infelizmente não estou conseguindo. Fiquei curiosa pra ler esse livro, me prendeu demais essa resenha.

    ResponderExcluir
  3. Acho fascinante todo esse universo gótico que o livro está inserido, o mundo sobrenatural costuma render histórias arrebatadoras. A ideia dos filhos da morte é instigante, vejo semelhanças com os vampiros (morrer pra renascer em um outro tipo de vida, além da humana).

    ResponderExcluir
  4. Olá! Amei a resenha, sério! Fiquei super curiosa com este livro.. o único que li com uma temática de morto foi Escola dos Mortos (que eu amei) e só de saber que as cenas de luta mereceram destaque, já quero haha! Amei a indicação, a foto ficou linda <3 e a resenha incrível! Dica mais que anotada!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  5. Gente do céu que livro! Fiquei chocado! Já quero ler, vou adicionar ele na minha lista! Adorei sua resenha, tudo bem detalhado! 💗

    ResponderExcluir
  6. Menina que resenha bafônica! Amo resenhas assim que quase que nos transportam para o universo do livro. Adoro livros assim com esse mundo criado pelo autor, um mundo só seu. Já estou anotando a dica, vou procurar com certeza! Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Alice!
    Que resenha mais encantadora e que desejo louco de ler o livro. Eu pensava que o livro era menos eletrizante e um pouco mais lento e fiquei bastante curiosa para conhecer esses personagens e o que acontece nas cenas de ação. Achei muito interessante saber que o passado humano do Blake é de arrepiar.
    Não tem como terminar sua resenha sem querer ler esse livro para ontem!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá! Gostei da resenha. Impressionante! O Sobrenatural me encanta demais quando o assunto é com livros. A autora parece criar um universo singular nesse nicho específico. Já fiquei muito interessado pela leitura com essa resenha encantadora. Parabéns! Abraços literários...

    ResponderExcluir
  9. Oi oi
    Parece ser um livro bem divertido, gosto bastante desse clima sobrenatural e de ação, realmente tenho medo de triangulo amoroso, mas já que ele é bem sutil, acho que dá para encarar

    ResponderExcluir
  10. Que história interessante. Todo o universo criado parece ser bem diferente do que já li, acho que é muito criativo.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  11. Deu pra perceber o quanto você curtiu essa leitura pela sua ótima resenha, até já fiquei com vontade de ir correndo adquirir meu exemplar para ler também. Achei fantástica toda a trama e os seres presentes.

    ResponderExcluir
  12. Ola, tudo bem?
    Nossa, adorei a resenha, deu pra perceber o quanto vc gostou do livro, e claro me deixou com muita vontade de ler!!! Parabéns pela resenha!
    Beijus

    ResponderExcluir
  13. Oi, Alice! Fora a capa, amei o enredo. E olhe que não gosto de histórias com vampiros, etc, etc. Mas essa parece bem interessante, num roteiro de filme seria ótimo. Gostei muito, principalmente de saber que está tudo muito bem amarradinho, já que esse tipo de história merece mesmo uma narrativa mais detalhada.

    Bjão,
    Diego França| Blog Vida & Letras
    www.vidaeletras.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá! Surtei junto contigo! E preciso conferir se o livro é mesmo essa coca-cola toda! rsrsr
    Já amei Valentina de cara por tudo o que você falou dela. Sua apresentação da protagonista me convenceu! Adoro personagens fortes!
    Grata pela sugestão! Beijinhos!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas deu para perceber o quanto a leitura te empolgou.
    No entanto, apesar de amar fantasia, esse enredo não me animou muito. Não consegui me interessar muito por esse universo criado pela autora e, quando vi que há um triângulo amoroso, desanimei completamente. Mesmo que seja só um indício, não gosto quando essa possibilidade surge nos livros, ainda mais quando a escolha da protagonista é óbvia.
    Adorei sua resenha e fico feliz que você tenha gostado tanto da leitura, porém, vou passar a dica desta vez.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Oiii!

    Nossa, eu não leio uma resenha tão bem escrita faz tempo! Parabéns!!!!
    Eu não conhecia o livro, já li algo com a mesma pegada, mas nada tao envolvente como nesse livro.
    Parece ser bem escrito e envolvente. Dica anotada!

    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oie
    que resenha linda, adorei, parabéns. Bom saber sobre o livro e sua experiência, não sou ligada ao gênero mas bem legal o enredo

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Eu não conhecia esse livro, achei a capa legal e adorei as suas fotos. Parabéns pela resenha, ficou muito boa, acho importante colocar citações, valoriza ainda mais a publicação. Gostei da premissa e vou anotar a sua dica.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  19. Um dia vou pegar um livro assim só para ver como é rs...Fico imaginando como seria um filme deste filme, com todos os recursos tecnológicos existentes. Algo bastante interessante para quem curte efeitos especiais.
    Beijo e sucesso!
    www.unalome.com.br

    ResponderExcluir
  20. Menina que resenha foi essa? :O
    Estou abismada pelo enredo e pela descrição do livro que tu fez nessa resenha, sério eu que gosto desses gêneros meio góticos e sobrenaturais mexe comigo.
    Secret Magic
    Xoxo

    ResponderExcluir