[Resenha] Ilhas de Thoron - Jéssica Ribeiro

Olá viajantes, tudo bem?

Comecei a ler Ilhas de Thoron sem saber o que esperar da obra e confesso que fui surpreendida pelo rumo da narrativa. Então, hoje vou contar um pouquinho da obra para vocês.

Ilhas de Thoron
Série: Crônicas dos Snay, Livro II
Autora: Jéssica Ribeiro
Páginas: 264
Editora: Coerência
Onde comprar: Editora Coerência
Nota: 
*E-book cedido pela editora
SINOPSE: Anjie e seus amigos estão em um novo planeta.
Eles precisam achar as demais Ardeps para salvar seu planeta, Solarium, antes que o tempo se esgote. Nessa nova aventura, terão que sobreviver aos nativos canibalista e fugir da OPRA, a organização que rege a galáxia.
Junto de tudo isso mistérios dos passado vem a tona com o aparecimento de Marco Ödi, um representante da 5° dinastia de Solarium que ainda está vivo.
Num misto de fantasia com sci-fi, a ação continua.
Anjie Snay, junto com seus amigos, ainda estão buscando as Ardeps para salvar o seu planeta, Solarium. Depois de uma breve discussão de onde estaria a próxima pedra, onde sua única pista era uma naufrágio e labaredas, eles decidem ir a Thoron, pelo voto da maioria.
Mas, antes de visitar o planeta, Hannagan leva sua protegida, Anjie para o Mercado Negro. Lá, eles descobrem que o Jornal Intergalaxia está noticiando o ataque a agência da OPRA (organização que mantêm a galáxia em ordem) na Terra.

Assim, a turma parte para mais uma aventura. Deixam a nave para se aventurar em Thoron: Anjie, com seu guardião Hannagan; a irmã dela, Ankel e seu guardião DT; seu irmão Carthing e seu guardião Waoren; sua outra irmã Adhara e sua guardiã Fat; e Ricard, que estava sendo tratado como prisioneiro por ser suspeito, mas foi "liberto" para esta missa.
"Eu queria conhecer mais sobre o planeta em que nasci. Se torna difícil com todos concentrados em achar as Ardeps."
Eles precisam pular em movimento para entrarem em Thoron e quando caem acabam se deparando com Touros, iniciando-se uma luta. Nessa confusão, eles acabam se separando. Anjie, Ankel, DT e Ricard ficam juntos, enquanto aos outros não sabem onde foram parar. Os 4 foram levados e colocados em uma gaiola e posteriormente descobrem que os tais Touros são canibais.

Para fugirem dessa situação, eles são ajudados por um homem que se apresenta como Marco Ödi Solarium. Mas, os jovens não confiam plenamente na bondade do homem, sabem que devem desconfiar de todos. Mesmo assim, seguem Marco, pois parece a melhor solução neste momento.

O perigo está cada vez mais próximo e suas aventuras em Thoron estão apenas começando. Será que eles conseguirão alcançar seus objetivos?
Quando comecei a ler essa obra não sabia que ele possuía um livro anterior e por este motivo, no início estava achando tudo muito corrido.
Mas, mesmo sem ler o primeiro livro "Terra", a Jéssica me fez imergir na obra. Ou seja, ela traz explicações suficientes para quem não leu o anterior, compreender a história.

O enredo pensado pela Jéssica é muito inteligente. Anjie ou Annie, foi criada na Terra como uma pessoa normal, não conhecia suas origens, que eram do planeta Solarium. Quando ela descobre quem realmente é, precisa se juntar aos seus irmãos para resgatar as 5 Ardeps (que são pedras) espalhadas pela galáxia, pois só elas podem salvar Solarium de uma destruição.

"Ilhas de Thoron" começa com eles buscando a segunda Ardep. Anjie e seus irmãos possuem um guardião cada, que é uma pessoa que está ligada diretamente a eles e também p responsável por lhes ensinarem coisas.
Anjie ainda se sente muito perdida com todo este universo e neste volume, ela vai descobrindo mais coisas do passado e as peças vão se encaixando.
"Os solarianos são bem reconhecidos em nossa Galáxia, e alguns solaris atrás rolou um boato de que se matassem a Família Real inteira, seria possível dominar o planeta. Sua família evitou sair de Solarium por um bom tempo."
Os solarianos possuem steates (uma espécie de dons) que são atribuídos a eles. Os steates de Annie são voar e poliglotismo (o que não é normal, pois a maioria só possui um steate). O de Hannagan é a invisibilidade, o de Adhara é a velocidade, Ankel controla o fogo, já Ricard é telepata.

A narrativa é repleta de ação e de cenas capazes de fazer o leitor perder o fôlego. Temos muitas cenas de lutas e algumas delas com um final não muito agradável para os "mocinhos". Confesso que uma delas me fez derramar uma lágrima.
O bacana é que a todo momento me questionava sobre o caráter dos personagens, ficava duvidando de todos, sem saber realmente quem está ao lado de Anjie e seus irmãos.

O livro é dividido em três partes. A primeira delas é narrada por Anjie, a segunda é narrada por Adhara e a terceira conta novamente com a narração de Anjie. Essa parte narrada por Adhara é fundamental pois temos a visão do que está acontecendo com o outro grupo que foi separado e o que eles estão descobrindo e desvendando.
"Gananciosos, é por isso que não devemos confiar nos Puros. Só querem dinheiro, são ambiciosos e não medem esforços. Ele vai aproveitar a primeira oportunidade."
O final da obra é permeado com mais cenas que deixam o leitor vidrado e fiquei desejando o próximo volume ardentemente, pois quero saber se o objetivo deles irá ser cumprido e quero principalmente que algumas questões sejam explicadas.
Super recomendo a obra para quem adoro uma mistura de aventura, com ficção científica e fantasia. Esse livro contêm esses três elementos e é um prato cheio.

Anjie está apenas no início do que a aguarda e precisará mostrar uma força não apenas física, mas mental. As respostas estão cada vez mais próximas, assim como a construção de algo novo e assustador. As Ilhas de Thoron trarão algumas respostas, mas também plantarão dúvidas. O futuro? Só ela vivendo para saber!

Beijos da Lice

15 comentários

  1. Super amei a resenha do livro.
    Deve ser mto bom a história em si.
    https://blogdajenny2014.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. AMEEEEEEI!! Sem palavras pra essa resenha maravilhosa! Muito obrigada, viu? ❤️

    ResponderExcluir
  3. Oiii Alice

    Eu não conhecia a série,a chei a proposta bem legal e por ter ação o tempo todo imagino que deve ser bem rápido de se ler e envolvente, eu adoraria conferir. Vou anotar a dica.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Eu adorei a resenha ☺ o livro é bem interessante. Ja coloquei na lista de leitura.

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia o livro nem a autora. Parece ser ótimo!!
    Adoro livros nacionais,vou procurar a autora nas redes sociais
    Vou anotar sua dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Gosto de livros que se passem em outros planetas, mas não é o momento certo para começar uma nova série agora. Vou deixar a dica anotada.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  7. Oi amore,

    Que capa mais amor de seu blog, adorei!!!
    Não conhecia o livro em questão, no entando, já curti o que vi aqui e fiquei bem curiosa pra ler. Dica anotada!
    Gosto muito de livros que nos fazem perder o fôlego, chega de água com açucar.
    Odeio quando leio um livro e descubro que tem um anterior.

    Beijokas

    ResponderExcluir
  8. Ah que legal!
    Gosto de livros assim com muitas aventuras sem ter vontade de parar e gostei do enredo tambpem.
    Parabéns pela resenha e vou procurar acompnhar, esse ano tô bem devagar com leituras. Bjs

    ResponderExcluir
  9. Ola, tudo bem?
    Parabens pela resenha, adorei, nunca ouvi falar do livro,as ja quero ler!! Dica anotada!
    Beijus

    ResponderExcluir
  10. Que livro legal, vou fazer download em pdf para eu ler pelo tablet :)

    ResponderExcluir
  11. O livro parece ser bem interessante! Adorei a resenha, faz a gente ter mais vontade de conhecer. Abraços e parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  12. Eu adoro demais séries!! Ainda não tinha ouvido falar desses livros mas já fiquei super animada para ler pq amo essa pegada sci-fi

    ResponderExcluir
  13. como nao gostar de um livro que tras uma a ação e aventura a varios momentos e percebi que esse livro tem varios momentos assim eu nao conhecia a serie mais fiquei bem curiosa para saber mais

    ResponderExcluir
  14. Que história incrível.
    Uma mistura de ficção com aventura, do jeito que eu adoro. Só de ler sua resenha já fiquei com vontade de conhecer essa história, vou ver se acho aqui na minha cidade os livros.
    Ah a capa é muito linda também, adorei :)
    Bjs!
    Blog Positividade Fashion

    ResponderExcluir
  15. Fantasia não é um dos meus gêneros preferidos, mas confesso que a tua resenha me despertou certa curiosidade a respeito desse livro. Talvez a mistura de fantasia e ação, sei lá. Vou guardar o título.
    Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir