Olá amores, tudo bem?

A autora Amanda Ághata Costa selecionou algumas pessoas para disponibilizar 41 páginas do seu novo romance para fazer um post de Primeiras Impressões.
Eu li o que ela disponibilizou e agora venho dar a minha opinião. O lançamento do livro é amanhã (03 de outubro) na Amazon! E já adianto, vale muito a pena!

Nunca Olhe para Dentro
Autora: Amanda Ághata Costa
Lançamento na Amazon: 03 de Outubro
*Primeiras páginas cedidas pela autora

SINOPSE: Nem sempre a vida é colorida como um quadro ou suave como uma pincelada, às vezes é o contrário de tudo isso. Depois de perder os pais em um acidente de carro aos oito anos de idade, a única coisa que Betina precisa fazer é encontrar o responsável por ter destruído sua família na noite que daria início à sua próspera carreira como pintora. Agora longe dos pincéis e das paletas, ela está focada em terminar a primeira graduação e procurar na justiça um pouco de consolo para o caos que o seu passado ainda traz. Ao lado de seus amigos e sob o teto de uma tia que a detesta, ela perceberá de que cores as pessoas são feitas, e do quanto é realmente necessário olhar para dentro de tudo aquilo que a assombra, mesmo que para isso precise passar por uma inesperada decepção.
Betina desde criança foi uma criança muito talentosa, que produzia telas lindas. Pintar era a luz da sua vida, a sua motivação. Ela amava as cores e tudo que refletisse vida. Cada emoção que sentia era associada diretamente com cores.
Aos 8 anos ela fez a sua primeira exposição, que foi um sucesso. Ela já era conhecida como a menina prodígio de Ostala. 

Quando estava voltando dessa exposição com seus pais, eles sofreram um acidente. Para desviar de um carro que bateria de frente, o pai dela virou para o acostamento e acabou caindo em um lago. 
Betina ficou no lago por 20 minutos e surpreendente saiu viva. Já seus pais não tiveram o mesmo destino, seus corpos nunca foram encontrados.

Agora, 12 anos depois, Betina cursa psicologia e abandonou a pintura depois da fatalidade. Depois da morte dos pais, ela foi enviada para morar com a única parente viva, sua tia por parte materna. No entanto, a tia nunca deu carinho a garota, que cresceu em um lar conturbado, sofrendo. A tia a trata como um objeto, deixando ela reclusa de tudo.
Ela apenas deseja descobrir quem foi o responsável pelo acidente, ela quer um pouco de acalento para seu coração.

Betina tem dois amigos que são inseparáveis: Paola e Caio. Ambos estudam psicologia com ela. Paola é toda extrovertida e tenta colocar a amiga para cima, fazê-la sair da prisão da tia e ir viver seu próprio mundo. 
Os três estão para começar o estágio. E nesse estágio, ela conhecerá Nicolas, um médico bonitão, que tem o dom de despir todas as mulheres ao seu redor com apenas um olhar.

Será que Betina finalmente vai conseguir sair das garras da tia? Betina conseguirá voltar a pintar? Ela descobrirá quem estava dirigindo o outro carro no dia do acidente? Como ela irá lidar com Nicolas? Seria um romance a vista?
As 41 páginas do livro apenas me deixaram mais curiosa. A Betina é uma personagem com tantas nuances que deixa o leitor atordoado. Ela nunca conseguiu superar a morte dos pais, principalmente não tendo um lar para chamar de seu. 
Betina carrega um vazio dentro de si, as cores do mundo simplesmente sumiram e ela só enxerga o cinza, as coisas sem graça. Ela mesmo apagou sua luz!

A Paola é uma amiga espetacular, daquelas que sempre está com Betina em seus piores momentos. Ela levanta a amiga e a faz enxergar que ela precisa sair da linearidade na qual se encontra. Caio também faz o mesmo, e os três são inseparáveis.
Paola e Caio possuem medo de que Betina chegue ao extremo, e atente contra a sua própria vida, mas ela não seria capaz disso. Ela quer descobrir os "culpados" pela morte de seus pais.

A tia da Betina é uma personagem pela qual apenas sentimos repulsa. Ela não tem um coração e os sentimentos passaram longe. O Nicolas apareceu pouco, mas já dá para ver que ele tem um lado meio fofo misturado com um sarcasmo e a certeza que é lindo. Também apostaria que o Nicolas tem algo a ver com a morte dos pais de Betina.

Não conhecia a escrita da Amanda, então fui surpreendida. A leitura simplesmente flui e ela sabe colocar as palavras certas no momento adequado. É fácil devorar o livro e por mim, teria lido tudo em um mesmo dia, tenho certeza. 
A edição também está muito bonita. A capa é linda, e a diagramação foi feita com muito carinho, isto é perceptível.

Gostei bastante da forma como a autora trouxe as cores e a pintura como tema. Ela faz várias associações bacanas e consegue passar todos os sentimentos da Betina através de analogias muito bem construídas. 

As cores transformam a nossa vida. As cores trazem sensações boas ao coração, florescem sentimentos na alma. Quando perdemos as cores e passamos a enxergar apenas o cinza, o preto, a vida não tem graça. 
Betina não aprendeu a viver depois da morte de seus pais. As cores perderam vida, e o cinza passou a lhe rodar. Ela precisa se encontrar de novo, voltar a viver e sentir emoções. Ela precisa renascer dentro das cores que permeiam seu mundo. Ela precisa se permitir!

Beijos da Lice

19 Comentários

  1. Alice que livro maravilhoso da autora Amanda Ághata, é muito bom ler um livro que a gente devora ele todo. O livro realmente flui muito fiquei apaixonada pela capa muito linda. Estou torcendo pra Betina se livrar das garras da tia essa tia dela é muito chata, é muito ruim uma pessoa como a tia dela não ter um coração. Por mais que a gente perca em nossa vida não podemos deixar de ver as cores da vida, Alice bjs.

    ResponderExcluir
  2. Esse livro já me conquistou apenas com essa resenha. Primeiro por ter psicologia como um dos ingredientes - se Deus quiser ano que vem começo a estudar essa faculdade - e segundo por abordar uma reviravolta difícil na vida de uma criança que, por certo, sonhava com um futuro muito diferente do que a realidade apresenta. Enfim, fiquei muito instigado a navegar nessa história, mal posso esperar para começar a aventura kkk
    Abraços 😊

    ResponderExcluir
  3. Que legal me apaixonei pelo livro a sua resenha ficou muito boa vou procurar o livro pra poder ler também beijos

    ResponderExcluir
  4. Em primeiro lugar a capa desse livro é linda, e com sua resenha fiquei com vontade de ler e saber mais sobre a vida de Betina! Fiquei com a pulga aqui achando que ou Nicholas ou a tal tia dela tem relação com o acidente! Enfim, me pareceu um ótimo livro! Abraços

    ResponderExcluir
  5. Oi Alice!!
    Gostei muito da premissa do livro, a estória de Betina parece muito sofrida.
    Já que o livro será lançado amanhã, vou adiciona-lo na minha wish list.

    Ah, e depois volta e nos conte a conclusão final do que achou do livro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oiii! Achei a capa do livro muito bonita e gostei muito da sinopse! A temática também me agradou muito... acho ótimo quando o autor foge das clássicas historias de mocinha apaixonada e tenho certeza que vou amar! Cores realmente demonstram muito nosso estado de espirito ne? Já quero ler!

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Também li essas 40 páginas e preciso do restante pra hoje. Menina, eu também tenho a impressão de que o Nicolas tem algo a ver com a morte dos pais dela. Seria um tanto clichê? Sim. Mas a Amanda escreve muito bem e se algo assim acontecer, tenho certeza que seria de uma forma muito incrível.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  8. Olá, não conhecia esse livro, mas achei a sinopse bem interessante. Gostei muito da resenha, deu para ter uma boa noção do que esperar do livro, acho que é um livro que eu iria gostar. bjs

    ResponderExcluir
  9. Oiii Alice

    Muito legal a premissa do livro, me alegra saber que a autora mantém uma boa narrativa nessa nova obra e que conseguiu te conquistar logo nas primeiras 41 páginas.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Que livro top e esse, ja quero ler e reler ele todo e muito bom pegar no livro e viajar nele.

    ResponderExcluir
  11. Olá!Que resenha maravilhosa,muito bem explicada,você desperta uma curiosidade incrível para lermos a história que parece fascinante,como será o futuro da Betina?temos que ler para saber fiquei super curiosa,estou certa que é um ótimo livro.Parabéns para a autora Amanda Ághata Costa!Sucesso no lançamento!Bjss

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, como vai? Gostei bastante da sua resenha, confesso que ainda nao conhecia esse livro, mas gostei bastante da sua abordagem por se tratar de um história que nos envolve, fiquei super curiosa por isso ja anotei o nome aqui

    ResponderExcluir
  13. Gostei de conferir sobre esse romance. Gosto do gênero. O enredo me deixou curiosa, confesso. A próxima vez que estiver procurando algo do gênero no site da Amazon vou me recordar desse com carinho, quem sabe. Bexitus e que belas impressões!

    ResponderExcluir
  14. Eu não sou muito fã de romances, gosto de livros que me prendam r o pouco que eu li sobre esse me prendeu!
    Quero muito ler ele!

    ResponderExcluir
  15. Oii,
    A história parece prender muito a gente. E sua resenha me deixou muito curiosa para adquirir esse livro. Confesso que ainda não conhecia a autora. Adorei esse estilo de post, com primeiras impressões.

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Às vezes (não, aliás quase sempre), a solução é mesmo olhar para dentro, porque é lá que estão todas as respostas. Se custa? Sim, na maior parte das vezes é duro, mas é essa a solução para ver a luz e seguir em frente.
    Parece ser um livro bastante interessante. Gostei deste pedacinho da história!... ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Adorei conhecer esse livro através das suas primeiras impressões, acredito que eu goste da leitura.

    ResponderExcluir
  18. Oie
    Tive a oportunidade de ler os primeiros capítulos e como senti vontade de bater nessa tia dela!
    Agora eu necessito saber do resto da história e com certeza vou ler tudo correndo.
    Ótima primeiras impressões.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. De verdade até vir aqui conferir a tua resenha eu ainda não havia conhecido nenhuma obra da autora, gostei bastante acredito que depois dessa resenha eu não ficarei sem ler esse livro não .

    ResponderExcluir