Olá amores, tudo bem?

Hoje tem resenha de um livro maravilhoso, que ocupa uma grande parte do meu coração: Lembranças de um Diário da maravilhosa Joana Amorim. Eu já li 4 livros da Joana, e eles dividem-se entre livros de poesias e livros destinados ao público infantil. Minha sobrinha e eu somos apaixonadas pelos infantis. E eu amo muitooo as poesias dela!

Lembranças de um Diário
Autora: Joana Amorim
Páginas: 170
Editora: Chiado Editora
Onde Comprar: Chiado Editora / Travessa
Nota: 💙💙💙💙💙
*Livro cedido pela Autora
SINOPSE:  Com o passar do tempo esquecemos algumas coisas que deveriam ser lembradas para sempre, mesmo que não sejam lembranças só de felicidade, porque também aprendemos com os nossos erros. Para não deixar as coisas que mais marcam a nossa vida escapar da memória, coloquem tudo em um caderno! Tudo escrito a lápis como nos bons tempos e guardem até o dia que ele possa ser revelado.
Espero que meu diário seja um incentivo para que escrevam o de vocês, que todos possam se identificar com ele e tirar proveito dessas experiências e desses dias que marcaram a minha trajetória. Um segundo pode mudar toda uma vida.
"Lembranças de um Diário" é um livro que conta a vida da Joana Amorim através dos anos. Aqui temos poesias que ela escreveu em diferentes momentos. Poesias que servem como um diário, que mostram os fatos mais marcantes, sejam estes momentos felizes ou não...

Os relatos se iniciam em 1995 no Rio de Janeiro e permanecem até 2016. Durante os anos vamos percebendo o crescimento da autora e vivenciamos de perto tudo que ela sentiu, e a intensidade dos sentimentos. Os temas das poesias são os mais diversos, e possuem como inspiração diversos fatores: seja o amor, a família, os sonhos, as realizações.

"Está triste a minha alma
Ela que sempre insiste em adoecer
Quando de amor se trata.

Com juras e mentiras
De falta de paz
E de excesso de palavras.

É terna e suave
Essa forma ingrata de amor
Que se esconde.

Se achar o caminho
É ter que sofrer e sentir dor
Não mais me atrevo.

Esgotam-se minhas energias
Só sobraram atritos
E não mais quero viver em ruínas."

Com uma escrita singela, intensa e verdadeira, a Joana consegue transmitir sentimentos através das suas palavras. É impossível não se emocionar e não querer ler mais e mais. 
As poesias são certeiras e cativantes. E a Joana, mais uma vez, se mostra espetacular. Impossível não amar cada linha e não derramar algumas lágrimas.
A edição da Chiado também está linda. A capa é um espetáculo a parte e a modelo de capa foi a filha da autora. Cada página tem uma poesia diferente, que é datada no rodapé, assim sabemos exatamente quando foi escrita. 
As folhas são amareladas e o tamanho da letra é confortável!!!

"Vou continuar escrevendo...
Quem sabe você anda lendo! 
E que me entenda ao longo do tempo
Porque sofro há anos em silêncio
Com lembranças que não sumiram com o tempo.
Vou continuar escrevendo...
Quem sabe ainda dá tempo,
De você mudar o rumo de tudo
E enfim enxergar porque luto tanto
Por esse sentimento mal resolvido
Que anda sempre deprimido
Com a alma cansada, arrasada
E você aí, sentado, sem fazer nada."

Por fim, é impossível não recomendar esta leitura tão doce. Cada linha foi escrita para tocar o coração das pessoas, e o objetivo foi cumprido com maestria.
Os sentimentos são um terreno no qual não temos controle, eles bagunçam a nossa vida e mudam o nosso rumo. Pode parecer fácil lidar com eles, ou extremamente difícil, isto só depende de você.
O amor é um sentimento confuso e com várias definições, mas ainda continua sendo o mais lindo e intenso. A vida é feita de lembranças, a vida é como um diário, onde o que nos marca fica guardado para sempre...
Se entregue as suas lembranças e reviva-as em sua memória. Todos os momentos valem a pena, cada momento é único!

Beijos da Lice

33 Comentários

  1. Ah, adorei sua resenha. Mas a última frase, foi a que mais me marcou, me identifiquei. As memórias são tudo o que mais temos de valioso!

    ResponderExcluir
  2. Interessante essa sugestão, acredito que nos faça ver a experiência que ganhamos ao longo do tempo com outros olhos, sejam elas boas ou más sempre terão o que em nós acrescentar! Abraços 😊

    ResponderExcluir
  3. Só pelos trechos das poesias que você postou já dá para perceber que esse é um daqueles livros que a gente guarda com carinho. Ótima sugestão de leitura!

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto muito das suas resenhas! Vc consegue falar bastante da história dos livros a ponto de nos deixar com vontade de ler mas sem dar spoilers!!!
    Esse livro parece ser lindo. Uma história bem intensa!

    ResponderExcluir
  5. Oi Lice! Acho que o livro foge um pouco do que eu costumo ler, mas achei bem interessante. Não conhecia a autora.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia a autora, mas gostei muito da sua resenha!
    Amo livros nesse estilo, com certeza vou ler depois!

    ResponderExcluir
  7. Eu me lembro que quando eu era pequena tinha um diário tudo que acontecia comigo eu escrevia nele, mas com o tempo fui deixando ele pra lá e não escrevi mais. Lendo a resenha me lembrei muito, o livro tem uma história bem doce, a capa é bem delicada,linda, ter um diário é guardar momentos da nossa vida. A autora Joana Amorim soube muito bem expressar a história do livro, concordo com você todos os momentos valem a pena, Alice bjs.

    ResponderExcluir
  8. Oi tudo bem?
    Ah que livro fofo, eu não o conhecia, mais adorei a dica, já quero ler. kkkkkk
    Adorei a resenha.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  9. ooi tudo bem ? realmente me pareceu uma leitura bem leve e doce gostei muito tambem da capa muito bonita faz lembrar um diario
    Coisas da Vida

    ResponderExcluir
  10. Poesia por si só eu sinto que já me toca a alma e o coração de uma maneira diferente, imagino acompanhar por tantos anos a vida de alguém através dessa escrita tão graciosa e quente. Parece sensível, realmente doce e uma surpresa extremamente agradável. Gostei bastante. E a capa é mesmo muito linda! Super delicadinha e poderosa, achei. Adorei a dica

    ResponderExcluir
  11. Olá Alice, tudo bem?
    Como sempre um arraso suas resenhas. Achei muito intrigante e convidativo ao leitor esse livro, uma mescla de diário com poesia, um incentivo à leitura e à escrita. Curiosíssima para conhecer e me aprofundar ainda mais na história de Joana, que por escrever poemas - e escrever bem! - lembra bastante uma amiga minha que também é poeta e faz dos seus cadernos um diário. Chiado é uma excelente editora e você a poeta das resenhas, Alice!

    ResponderExcluir
  12. Amei a sua resenha, ainda mais quando cita alguns trechos do livro, despertou a minha curiosidade, vou adiciona-lo na minha lista :D

    ResponderExcluir
  13. Nossa, sua resenha ficou divina. Quero muito comprar e ler o mais rápido possível, esse diário tem um enredo muito bom que desperta o interesse do leitor.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Sua resenha ficou maravilhosa adorei o seu post o livro me parece ser muito bom já quero ler essa maravilha

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pela resenha que ficou tão sensível e doce, o tanto quanto imagino que seja a leitura.
    A capa do livro ficou linda, ao mesmo tempo que é suave é também interessante.
    Bjinhos,
    www.prosaamiga.com.br

    ResponderExcluir
  16. Até que eu gosto de poesia, esse livro parece ser muito amorzinho. Gostei da dica, não conhecia a autora. Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi! Fiquei muito curioso com o livro. A editora Chiado sempre publica coisas muito interessantes do meu ponto de vista. Acho que você deve ser "O Tudo e o Nada" da Editora Chiado também. Tenho a certeza de que vai adorar.

    ResponderExcluir
  18. Olá,
    Não conhecia a obra, mas infelizmente ela não conseguiu despertar minha curiosidade pelo fato de eu não ter muito costume de fazer leitura de poesias.
    Achei interessante que a obra apresente textos de diferentes fases da vida de Joana e creio que os adoradores de poesia se encantarão com ela.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  19. Heey!
    Eu não sou muito chegado a livros de poesias, mas eu vi que é da Chiado e um dos poucos livros que li e gostei, de poesia, era da Chiado, então vou deixar add no meu skoob. A capa é muito linda. Abraços.
    https://diarioleitorblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá! Tudo bom?
    Adoro quando a autora consegue transmitir por meio das palavras sentimentos, parece que fica mais emocionante, mas rápida e leve a leitura. Gostei muito da resenha.
    Beijos, Joyce de Freitas.

    ResponderExcluir
  21. Olá!

    Adorei sua rezenha e também sou apaixonada por poesias. Essa capa é maravilhosa mesmo.
    Com certeza esse livro entrou nos meus prediletos!

    Blog Diversamente

    ResponderExcluir
  22. Que linda mesmo que deve ser o livro, ela teve um ótima ideia em escrever momentos da sua vida em poesias, parabéns pelo post, beijos.

    ResponderExcluir
  23. Olá, como está?
    Confesso que não sou de pessoa de ler livros de poesia, mas esse parece bem legal;
    A última frase do texto me tocou imenso! BJ

    ResponderExcluir
  24. A autora Joana Amorim deve ser parabenizada, um livro bonito, por seu texto, deu a Perceber, que é muito sábio, conta a intensidade dos sentimentos. As palavras são tão verdadeiras.

    ResponderExcluir
  25. Não conheço nada sobre essa escritora talvez seja porque não tenho o costume de ler poesia, mas até que esse livro de poesia parece ser bem legal

    ResponderExcluir
  26. Oiiii! Concordo com você... cada momento tem o seu valor e vale a pena! Adorei sua resenha e também achei a escrita bem doce e gostosa de ler! Já quero ler tudo também! Beijos

    ResponderExcluir
  27. Oie,
    Não conhecia o livro e autora.
    Adorei sua resenha e poder conhecer suas impressões sobre a leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Olá,
    nossa que resenha espetacular, amei conhecer o livro, gosto muito de poesias e li as que foram citadas no post e senti muita mais muita emoção. Adorei bjs!

    http://fabiisanto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Olá, tudo bem?

    Confesso que não conhecia a autora, nem suas obras.
    Bem, confesso também que, apesar de gostar de poesias, não sou uma fã de livros completos delas, deve ser por isso que não conhecia a autora.
    Ainda assim, o livro parece ser bacana ao retratar a vida dessa forma. Bem, valeu pela indicação!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  30. Olá,
    Tdo bem ?

    Dá para perceber o carinho que você tem pelo livro atraves das suas palavras. Apesar de não curtir livros de poesias, confesso que esse me cativou e despertou um grande interesse em ler.

    Bjs

    ResponderExcluir
  31. Olá!

    Apesar de não ter curtido muito a capa (parece foto de túmulo ou aqueles panfletos que a gente recebe na missa de sétimo dia de algum ente) o livro parece ser muito lindo, dá pra ver como ele te tocou profundamente.

    ResponderExcluir
  32. Olá, Lice.
    A capa desse livro é linda, fiquei apaixonada por ela!
    Infelizmente não sou muito fã de poesia, então passo a dica, mas irei ver os outros livros da autora, quem sabe eu não gosto?!

    ResponderExcluir