Olá amores, tudo bem?

Continuando com a nossa semana dedicada ao cretino mais gostoso do mundo, vamos falar do restante dos personagens. 

Ontem apresentei os principais, hoje é dia dos secundários, daqueles que também tem seu protagonismo. Vamos lá?!
Bernardo Dousseau é o melhor amigo de Alfredo. Nasceu no Brasil, mas se mudou para a França aos oito anos de idade. Foi na faculdade que ele e Alfredo se conheceram e tornaram-e colegas de quarto. Mais tarde, abriram e tornaram-se sócios de uma cafeteria gourmet ainda em Paris.
Quando uma tragédia na vida do melhor amigo acontece, Bernardo não pensa duas vezes em voar para o Brasil e permanecer ao lado do amigo, dando todo o apoio que Alfredo precisará para passar pela fase mais perturbadora da sua vida.

Sophie Dubois é uma das inúmeras namoradas que Alfredo quebrou o coração. Os dois se conheceram e se envolveram na França; à época, para Sophie, Alfredo era Pierre Deveraux, e isso aconteceu dias antes de o Cretino retornar para o Brasil. Como de costume, Alfredo a abandonou depois da primeira noite juntos e não a procurou mais, embora tenha lhe feito juras de amor.
Meses depois, Sophie viaja até o Brasil, à procura dele para lhe dar uma notícia. Uma notícia que vai mudar ainda mais o rumo da vida de Alfredo Hauser.

Enzo Diniz Hauser é o filho de Lívia e Henrique. No primeiro volume, ele ainda é uma criança, por volta dos 9 anos. É hiperativo ao extremo (daqueles que quebram vaso dentro de casa e tagarelam sem parar), mas doce, amável e muito obediente. Mesmo com toda a sua hiperatividade, Enzo é um garoto fechado para pessoas estranhas. Contudo, quando ele conhece Alfredo, o tio que morava na Europa, de quem ele apenas passou a vida ouvindo falar, uma ligação muito forte é criada entre os dois.
O que ninguém sabe, além de Lívia e Henrique, é que os dois são muito mais do que sobrinho e tio. O quanto esse segredo vai abalar a relação de Alfredo com Lívia e o quanto isso vai instigar ainda mais o ódio que um irmão nutre pelo outro?
Victória Santos, ou simplesmente Vic, é a melhor amiga de Lívia. É uma mulher forte, determinada e avessa a relacionamentos amorosos. É exuberante, extravagante e adepta do sexo casual. É sócia de um restaurante, onde ela é a chefe de cozinha. Lívia e Vic mantêm um ritual de se encontrarem em algum dia da semana para passarem um tempo juntas e jogar conversa fora. É numa noite que Vic convence Lívia a irem até uma boate, onde as duas encontram um deus grego. Apesar do interesse de Victória, ela incentiva a amiga a flertar com o cara. Mais tarde, Victória vai descobrir que o deus grego na boate é o imprestável do Alfredo Hauser, a quem ela também odeia, da mesma maneira que Lívia descobriu: dormindo com ele.
E aí amores, o que acharam desses personagens? Prevejo que essa Sophie vai trazendo muita confusão da França. Ah, não posso esquecer de dizer que a Vic é uma super amiga!!!

Lembrando que o livro está em pré-venda e pode ser comprado diretamente com a autora, com direito a brindes:

E siga as redes sociais da autora para acompanhar o seu trabalho:

Adicione o livro no Skoob!!!

Por hoje é só, amanhã volto com uma super entrevista! Não deixem de acompanhar!!!

Beijos da Lice

2 Comentários

  1. Apesar de não ser uma história que me atraiu pela sua sinopse, a apresentação dos personagens parece interessante.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  2. Estou gostando dessa semana especial, quase com vontade de ter um cretino pra mim ><
    Vou conferir a entrevista, beijos

    ResponderExcluir